Vitória e Bahia se enfrentam para definir finalista da Copa do Nordeste

Depois de sair na frente no jogo de ida da semifinal da Copa do Nordeste, o Vitória se concentra para a partida de volta neste domingo, novamente diante do Bahia, às 16h (de Brasília), na Fonte Nova. O primeiro clássico Ba-Vi na competição terminou com a vitória rubro-negra pelo placar de 2 a 1.

Na manhã deste sábado, sem o acesso da imprensa, o Leão realizou o último treino antes do confronto. O técnico Argel Fucks comandou um trabalho tático, focado nas bolas paradas e com todos os jogadores batendo pênaltis no fim das atividades.

Para o duelo, o comandante do Vitória não contará com Dátolo, Jhemerson e André Lima, vetados pelo departamento médico. Dátolo segue com dores na panturrilha direita, enquanto Jhemerson sente dores na parte posterior da coxa. André Lima, por sua vez, fica de fora por conta de uma fascite plantar. No entanto, Argel pode comemorar os retornos de Kieza, Gabriel Xavier e Pisculichi.

Por outro lado, o Bahia, que precisa do resultado positivo para avançar na Copa do Nordeste, se preocupa também com a segurança do jogo. A primeira partida foi marcada por violência dentro e fora de campo e, por conta disso, o lateral Eduardo fez um apelo para que a postura dos envolvidos no primeiro clássico seja diferente.

- Violência não leva a lugar nenhum. Se cair em provocação, quiser dar cotovelada, não vai chegar a lugar nenhum - afirmou, complementando:

- Esquecer provocação, esquecer clima de briga. Tem que focar no futebol. Fazer nosso melhor. Somos jogadores de futebol, não somos lutadores. Desde que cheguei aqui, presto atenção nisso. Às vezes, a torcida troca uma jogada bonita por uma pancada no adversário. A gente prova que, com nosso futebol, podemos conseguir nossos objetivos. A gente tem capacidade para isso. Vamos em busca do melhor resultado. Um gol já nos classifica. Não vai ser fácil, mas capacidade para isso nós temos - declarou Eduardo.

Por conta do placar no primeiro jogo, o Vitória tem a vantagem do empate para o clássico de domingo. Um triunfo simples basta ao Bahia para garantir vaga na final da competição. Caso o Vitória marque mais de dois gols, o Tricolor precisa vencer por dois gols de diferença. Em caso de um novo 2 a 1, mas com vantagem do Bahia, a decisão vai para as penalidades.

BAHIA X VITÓRIA

SEMIFINAL DA COPA DO NORDESTE

Data: Domingo, 30 de abril

Horário: 16h (de Brasília)

Local: Arena Fonte Nova, Salvador (BA)

Árbitro: Rafhael Claus (Fifa/SP)

Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (Fifa/SP) e Danilo Ricardo Simon Manis (Fifa/SP)

VITÓRIA: Fernando Miguel; Patric, Kanu, Fred e Geferson; Willian Farias, Bruno Ramires, Cleiton Xavier, Euller e David; Kieza. Técnico: Argel Fucks.

BAHIA: Jean; Éder, Tiago, Lucas Fonseca e Armero; Renê Junior e Edson; Régis, Allione e Edigar Junio e Hernane. Técnico: Guto Ferreira.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos