Rodriguinho e Gabriel levam terceiro amarelo e estão fora da finalíssima

O Corinthians venceu a Ponte Preta por 3 a 0 e saiu na frente da decisão do Paulista, mas Fábio Carille terá que ajustar o time para a finalíssima em Itaquera. Dois jogadores que estavam pendurados receberam o terceiro amarelo neste domingo e cumprirão suspensão no duelo decisivo em Itaquera: o meia Rodriguinho, autor de dois gols e uma assistência em Campinas, e o volante Gabriel.

A dupla foi amarelada em lances bobos no primeiro tempo, quando o Timão já estava em vantagem no placar, contrariando a instrução de não levar advertências desnecessárias. Pagarão o preço: serão apenas expectadores da final. Camacho e Paulo Roberto, acionados no segundo tempo em Campinas, devem ser os escolhidos para ocupar as vagas.

Também estavam pendurados Fagner, Guilherme Arana, Maycon, Jadson, Romero, Jô e o reserva Léo Jabá, mas estes atletas conseguiram passar impunes e estarão aptos para atuar no jogo que vale a taça, dia 7 de maio.

Do lado da Ponte Preta, estavam pendurados seis jogadores: Emerson, Fernando Bob, Jádson, Jeferson, Matheus Jesus e Yago. Nenhum deles foi advertido pelo árbitro Raphael Claus - Renato Cajá, que não estava pendurado, foi o único amarelado do lado da Ponte. Logo, os atletas estarão à disposição de Gilson Kleina para o duelo de volta.

Além disso, o comandante poderá contar com o retorno do zagueiro Marllon, que cumpriu suspensão no jogo deste domingo e está liberado. Assim, Fábio Ferreira volta para o banco de reservas.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos