Esquema de segurança para clássico mineiro será o maior da história

  • Washington Alves / Cruzeiro

A decisão do Campeonato Mineiro contará com o maior efetivo da história. A Polícia Militar de Minas Gerais contará com 2.650 homens para cuidar da segurança dos torcedores de Atlético-MG e Cruzeiro.

De acordo com a corporação, três pelotões estarão distribuídos pela cidade, enquanto outros sete ficarão na parte interna do estádio.

"Esse é o maior efetivo. Normalmente, no Independência, a gente utiliza um efetivo menor do que no Mineirão devido aos espaços. Mas por causa da rivalidade que se criou para esses dois jogos foi necessário a gente estabelecer esse efetivo e esse planejamento", comentou o coronel Winston Coelho Costa, do Comando de Policiamento de BH, em entrevista à Rádio Itatiaia.

"O aparato é mais do que o dobro do efetivo utilizado no Mineirão, que faz frente a todos os posicionamentos contrários àqueles apresentados pela Polícia Militar. A partir da decisão da Federação Mineira e dos clubes em realizar o clássico no Independência, cujas vias de acesso nos causa a maior dificuldade, além da separação e o costume das torcidas em chegar ao estádio, fez a gente realizar um amplo planejamento para permitir que todos os torcedores possam ir ao jogo", acrescentou.

Para se ter ideia, o número de torcedores do Cruzeiro presente no estádio será de 1.871, inferior à quantidade de policiais no local.

Nas primeiras reuniões sobre o clássico, a PM vetou a presença de torcedores visitantes dentro do Independência, alegando que o estádio não tinha estrutura para receber este tipo de jogo. Porém, o Cruzeiro conseguiu fazer valer seus direitos e terá os 10% de torcedores no Horto.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos