Gol do título faz Romero disparar na artilharia da 'centenária' Arena

Criticado, taxado de atacante mais eficiente na marcação do que no setor ofensivo e alvo de piadas da própria torcida, Ángel Romero teve tarde especial neste domingo. Foi dele o gol do Corinthians no empate em 1 a 1 com a Ponte Preta, suficiente para garantir o 28º título do Campeonato Paulista do Timão. Gol que o fez disparar na artilharia da Arena Corinthians, com 18 tentos.

- Sempre focados, treinando forte e humildes, assim conquistamos o título. Vai ficar na minha memória para sempre fazer esse gol de título. Será inesquecível. Parabéns à torcida também, que nos apoiou os 90 minutos. Todos estão de parabéns pela conquista - vibrou o paraguaio, que tem Jadson e Guerrero empatados com 15 como vice-artilheiros.

Curiosamente, o 18º gol de Romero no estádio corintiano saiu aos 18 minutos do segundo tempo do embate com a Ponte. Como o primeiro jogo havia terminado com 3 a 0 para o Timão, a vantagem que já era grande fez a torcida soltar o grito de campeão e um torcedor mostrar pé quente com piada feita em cartaz: "Não vi Basílio, mas vi Romero".

A brincadeira era uma alusão ao herói do título paulista de 1977, que interrompeu jejum de 23 anos sem títulos do Corinthians e que em outubro completará 40 anos. Os personagens dessa conquista prestigiaram a nova conquista alvinegra nas tribunas da Arena, que recebeu seu primeiro troféu desde a inauguração em 2014.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos