Assim como em 2016, Cuca fará ajustes no elenco do Palmeiras

Durante as conversas que definiram seu retorno ao Palmeiras, o técnico Cuca sinalizou que deseja fazer alguns ajustes no elenco para o segundo semestre. Alguns jogadores devem deixar o clube, e o técnico quer ao menos dois reforços, sendo um deles para a lateral esquerda. Dependendo dos valores envolvidos, a Crefisa pode ajudar em novas contratações, algo que não acontecia em 2016 devido à relação estremecida entre a patrocinadora e o presidente Paulo Nobre.

Quando assumiu o Verdão no ano passado, Cuca também mexeu no grupo de jogadores. Liberou atletas importantes como Robinho e Lucas (foram para o Cruzeiro em troca de Fabrício e Fabiano) e indicou nomes como Mina, Tchê Tchê e Róger Guedes. As observações de Cuquinha, seu irmão e auxiliar técnico, foram fundamentais para a escolha desses reforços.

O lateral esquerdo Danilo Avelar, do Torino (ITA), é um dos observados neste momento. No ano passado, com Cuca no comando, houve uma negociação para que o atleta de 27 anos concluísse o tratamento de uma cirurgia no joelho na Academia de Futebol e fosse aproveitado no início desta temporada. O negócio não saiu. Agora, ele está recuperado do problema físico e o clube italiano foi consultado sobre a possibilidade de liberá-lo. O jogador tem mais um ano de contrato e o Verdão não formalizou uma proposta até o momento - há outros alvos.

O ataque também receberá atenção especial, até porque alguns jogadores têm recebido ofertas de outros clubes e podem sair. É o caso de Alecsandro, que já foi procurado por Coritiba e Bahia. Se o camisa 9 realmente sair, o Palmeiras irá em busca de um reserva para Borja - Eduardo Baptista vinha utilizando Willian nesta função.

Também no setor ofensivo, Erik e Rafael Marques têm jogado pouco e frequentemente são procurados por outras equipes. O primeiro desperta o interesse do Vitória, que conversa com o Palmeiras sobre a possibilidade de um empréstimo.

A baixa mais provável neste momento é a de Vitor Hugo. A Fiorentina tem negociações avançadas para levá-lo no meio do ano por 8 milhões de euros (quase R$ 28 milhões), dos quais 50% ficariam com o Verdão. Falta pouco para a negociação ser concluída. Neste caso, porém, não há urgência para reposição: Luan, ex-Vasco, acaba de ser contratado. Ele está em tratamento de cirurgia no pé direito e deve ficar disponível para o Brasileiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos