Crefisa dará R$ 1,5 milhão para Palmeiras pagar luvas de Cuca

A Crefisa teve participação importante no retorno de Cuca ao Palmeiras. A patrocinadora IRÁ bancar as luvas do treinador, ou seja, o bônus pela assinatura do contrato. O valor, de acordo com pessoas do clube, será de R$ 1,5 milhão. Os salários dele, de R$ 450 mil mensais (mesma quantia de 2016), serão integralmente bancados com dinheiro do Verdão.

Não é a primeira vez que a Crefisa colabora com uma contratação. Só neste ano, a patrocinadora bancou as compras de Guerra, Fabiano, Borja (com pagamento de luvas e parte do salário), Luan e de mais 50% dos direitos econômicos de Dudu. Anteriormente, havia ajudado nas aquisições de Lucas Barrios (incluindo pagamento de salários) e Thiago Santos e na permanência de Vitor Hugo após um período inicial de empréstimo, em 2015.

Essas colaborações não entram no contrato de patrocínio. Em 2017, o valor das propriedades master da camisa será de R$ 72 milhões ao todo. Em 2018, aumentará para R$ 78 milhões. Esses valores serão ampliados em caso de conquistas de títulos.

Na apresentação de Cuca, o presidente do Verdão, Maurício Galiotte, convidou Leila Pereira a entregar um livro sobre o título brasileiro do ano passado ao treinador. José Roberto Lammachia, marido da empresária e também dono da Crefisa, assistiu à cerimônia na primeira fila.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos