Sassá dispara: "Estou há oito anos aqui e vou ser mercenário no último?"

  • Rodrigo Buendía/AFP Photo

Com dificuldades para renovar com Sassá - seu empresário pediu R$ 5 milhões de luva - o presidente do Botafogo, no último final semana, admitiu a decepção com os representantes do atleta. E, durante 'live' realizada no Instagram do atacante - na última quinta-feira - muitos botafoguenses cobraram o jogador pela alta pedida. Sassá foi enfático na resposta e lembrou o tempo de clube.

"Como que não vou ficar? Aqui é minha casa, são oito anos, tem que respeitar. Não são oito dias, oito horas e nem oito meses, são oito anos de clube. Não é todo mundo que fica oito anos num clube, não. Fica um monte de gente falando besteira, nem sabe das coisas e estão falando besteira. É, eu sou mercenário. Estou há oito anos no Botafogo e vou ser mercenário no último ano? Só pensar um pouco, só pensar...", afirmou o atleta nas redes sociais.

Durante a sua participação na "live", Sassá ainda respondeu as declarações de que só fazia gols de pênalti e encheu a bola do seu companheiro Bruno Silva.

"Sou o quinto artilheiro, e um monte de gente falando que só faço gols de pênalti. Mas está bom, se tiver pênalti eu bato de novo e faço. Pênalti é gol. E o Bruno Silva é o melhor volante do Brasil. Vai para a Seleção com 30 anos".

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos