Sem Alecgol e Rafael Marques, Cuca quer reforçar o ataque do Palmeiras

  • Marcello Zambrana/Agif

Os ajustes no elenco do Palmeiras para o segundo semestre não param nas chegadas de Mayke, lateral-direito que veio do Cruzeiro, e Juninho, zagueiro que vem do Coritiba e será anunciado nas próximas horas. O clube está na briga com São Paulo e Flamengo pelo meia Everton Ribeiro, do Al Ahli, e agora buscará também um atacante, pelo menos. É um pedido do técnico Cuca.

"Perdi o Vitor Hugo e já trouxe o Juninho, que é um zagueiro de muito potencial. É natural que tendo liberado dois centroavantes, vá atrás de peças de reposição, já que hoje só conto com o Borja nessa posição", disse Cuca, à Rádio Bandeirantes.

Willian era o principal concorrente de Borja pela vaga de centroavante quando Eduardo Baptista estava no comando, mas Cuca prefere vê-lo atuando aberto pelos lados. Como saíram Barrios (para o Grêmio, no início do ano) e Alecsandro (para o Coritiba, semana passada), não há no elenco um centroavante para brigar por vaga com o colombiano.

Rafael Marques, liberado para o Cruzeiro em troca de Mayke, não atuava como um 9, mas principalmente aberto pelo lado esquerdo. Para essa função, a urgência no elenco do Palmeiras é menor. Dudu, Róger Guedes, Willian, Erik e Keno podem atuar pelos flancos.

 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos