Zagueiro estreia na Série A com números de destaque no Sport

Nem o placar adverso foi capaz de apagar a boa estreia de Igor, uma das últimas contratações do Sport antes do início do Brasileirão. No último domingo, diante da Ponte Preta, o zagueiro de 27 anos estreou tanto com a camisa do Leão quanto na Série A do maior campeonato do país e deixou ótima impressão para o técnico Ney Franco.

As estatísticas do defensor comprovam a boa atuação, que o credencia a brigar por uma vaga entre os 11 para os próximos compromissos do Leão.

Igor foi o jogador com maior número de rebatidas entre os atletas das dez partidas desta primeira rodada do Brasileirão. O número o coloca no topo, mas vem acompanhado de mais dois dados importantes: ele também se tornou líder de desarmes da equipe e em lançamentos certos do Sport.

- Obviamente, o resultado não foi nem de longe de acordo com as nossas expectativas, mas fico feliz por ter tido reconhecimento do torcedor e o respaldo da comissão técnica, baseada nos números que foram levantados. Não podemos nos apegar completamente às estatísticas, esse jogo (contra a Ponte Preta) é um exemplo disso, mas é importante saber que você competiu em alto nível. Tudo isso tem que ser levado em conta, mas sou consciente do nosso valor e sei que vamos evoluir - afirmou o defensor.

Em função da disputa de várias competições simultâneas, Ney mandou a campo um time alternativo. Com apenas oito dias de clube, Igor ficou com a incumbência de assumir a titularidade do Sport na abertura do Brasileirão. Mesmo tendo feito sua estreia na elite do futebol brasileiro, o zagueiro crê que tenha deixado um bom cartão de visitas.

- Não sou de reclamar ou apontar dificuldades. Vou me dedicar e, individualmente, buscar fazer melhor sempre para que a gente consiga evoluir como grupo. Cheguei aqui com uma expectativa muito boa e, em pouco tempo, recebi a chance de mostrar meu futebol. Na próxima quarta-feira, contra o Bahia, não posso atuar, porque cheguei depois do período de inscrições. No fim de semana já temos mais uma batalha, dessa vez, contra o Cruzeiro. Ainda não sabemos qual time vai entrar em campo, claro, mas o professor sabe que pode contar comigo, se precisar. Não vejo a hora de jogar diante do nosso torcedor - finalizou.

Atualmente, o Sport disputa cinco competições: Copa Sul-Americana, Copa do Brasil, Campeonato Brasileiro, Campeonato Pernambucano e Copa do Nordeste. Nesta última, o time é finalista, e tem seu primeiro desafio nesta quarta-feira, em casa, contra o Bahia.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos