Vanderlei chora após atuação de gala e compara jogo contra a Ponte Preta

Vanderlei brilhou e se emocionou na partida contra o Coritiba, onde o Santos levou a vitória por 1 a 0 e defendeu onze vezes, entre elas seis foram difíceis - incluindo uma penalidade. Já nos acréscimos o arqueiro santista pegou o pênalti cobrado por Alessandro, do seu ex-time Coritiba.

Em prantos, o camisa 1 falou sobre a grande partida realizada na Vila Belmiro e a comparou com a contra Ponte, onde não conseguiu segurar nenhum chute dos adversários e sofreu cinco gols.

- Difícil, né? A gente sempre sonha em fazer uma grande partida, ainda mais contra a minha ex-equipe. Tenho muitos amigos ali, um carinho grande. Estou muito feliz. A gente sempre tenta fazer nosso melhor, contra a Ponte não deu, mas, felizmente, hoje deu tudo certo - explicou Vanderlei emocionado.

Para o camisa 1, treino é a palavra-chave para dificultar para os batedores. Além disso, comentou que após parar Alessandro, vibrou como se fosse um gol.

- A penalidade é complicada. Você tem milésimos de segundo para decidir o que vai fazer. Alessandro é um cara difícil, tinha diversos cantos para ele chutar. Graças a Deus deu tudo certo. Para um goleiro, pegar um pênalti no final do jogo, a gente comemora como se fosse gol (risos). Além de ser o meu ex-time, eu acredito que eles vão fazer um grande campeonato - concluiu.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos