Chape joga a vida na Libertadores

Sem saber se vai poder contar com os pontos da vitória sobre o Lanús ainda, a Chape volta a jogar pela Libertadores na noite desta terça-feira, contra o Zulia. A partida está marcada para 19h30, na Arena Condá, em Chapecó.

A boa notícia do fim de semana foi a aparição do ex-advogado do Fluminense, Mário Bittencourt, que irá auxiliar na defesa do caso Luiz Otávio. O zagueiro estava suspenso e não poderia enfrentar o Lanús, na última quarta feira. Porém, o email contendo a informação da suspensão não foi enviado corretamente, e o técnico Vágner Mancini escalou o jogador para o jogo. Por obra do acaso, Luiz Otávio foi o autor do gol da vitória por 2 a 1 contra os argentinos.

- Nossa defesa está baseada no fato de que a confusão de envio de e-mails da Conmebol induziu a Chapecoense ao erro. No caso da comunicação da suspensão automática, onde já houve desencontro de informações, a troca de e-mails foi toda com o advogado interno do clube - afirmou Mário Bittencourt.

Caso tenha seus pontos computados, a Chape só depende dela para se classificar para as oitavas de final. O clube está na terceira posição, com sete pontos, atrás do Lanús, também com sete, e do líder Nacional, que tem oito.

Escalações:

CHAPECOENSE: 24 Andrei; 22 Apodi, 15 Nathan, 3 Douglas Grolli e 6 Reinaldo; 5 Moisés Ribeiro, 8 Andrei Girotto, Luiz Antônio e 2 João Pedro; 7 Rossi e 9 Wellington Paulista - Técnico: Vágner Mancini.

Suspensos: Luiz Otávio

Machucados: -

ZULIA: 1 Veiga; 3 Godoy, 4 Henry Plazas, 25 Hervé Kambou, 17 Edixon Cuevas e 24 Pedro Cordero; 20 Sergio Urein, 8 Junior Moreno e 18 Arango; 23 Guaycochea e 7 Yohandry Orozco - Técnico: Daniuel Farías Acosta.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos