Adeus, Libertadores: Conmebol pune Chapecoense por escalação irregular

Não adiantou argumentar. O Tribunal Disciplinar da Conmebol puniu a Chapecoense pela escalação irregular do zagueiro Luiz Otávio. Desta forma, o placar da partida contra o Lanús, vencido em campo, com direito a gol do próprio defensor, fica favorável ao time argentino por 3 a 0.

A punição elimina a Chapecoense da Libertadores ainda na fase de grupos. A decisão cabe recurso. Mas, no cenário atual, só cabe à Chape lutar pelo terceiro lugar no grupo, que garante uma vaga na Sul-Americana ainda neste ano.

O último jogo da Chape pela Liberta-2017 será contra o Zulia, da Venezuela, nesta terça-feira, às 19h30.

Pivô da punição, Luiz Otávio foi punido com três partidas de suspensão por causa de uma expulsão na Liberta. A Conmebol disse que o primeiro jogo do gancho deveria ser cumprido na Recopa. A Chape, sem saber dos outros dois jogos pendentes, colocou o defensor em campo contra o Lanús. A escalação aconteceu mesmo com o aviso do delegado da partida, instantes antes da entrada no gramado. A Chape garantia não ter recebido a comunicação da Conmebol. Mas o argumento não prevaleceu, e o clube perdeu os três pontos.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos