Barcelona manifesta apoio a Messi após condenação por fraude fiscal

Através de seu porta-voz, Josep Vives, o Barcelona manifestou seu apoio ao argentino Lionel Messi, condenado pelo Tribunal Supremo da Espanha por crimes fiscais nesta quarta-feira. Segundo Vives, o presidente do clube, Josep Maria Bartomeu, entrou em contato com Jorge Messi.

- O Barcelona reitera, uma vez mais, o seu total apoio ao jogador, ao seu pai, Jorge Messi, e à toda a sua família. Nesta mesma tarde, o presidente do clube, Josep Maria Bartomeu, entrou em contato com Jorge Messi e toda a família para demonstrar todo o seu apoio. A família se mostrou muito agradecida. Não só pelo dia de hoje, mas também por todo esse processo. O clube, como não pode ser diferente, continuará demonstrando o seu apoio ao jogador e a toda a sua família.

Messi teve sua sentença confirmada nesta quarta-feira. O Supremo Tribunal da Espanha sentenciou o jogador do Barcelona a 21 meses de prisão, além de uma multa no valor de 2,093 euros, cerca de R$ 7,6 milhões. O pai do jogador também foi condenado pela justiça espanhola. Jorge Horacio Messi teve sua sentença reduzida de 21 para 15 meses de prisão por colaborar com a investigação e devolver parte do dinheiro sonegado à Fazenda.

Apesar da condenação, uma brecha na lei espanhola permite que o jogador e seu pai cumpram a sentença em liberdade: ao receber uma punição menor que 24 meses, o réu pode responder em liberdade caso não tenha antecedentes criminais ou esteja envolvido em outros delitos.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos