"Abraçado" por Zé e companheiros, Matheus Savio ganha moral no Flamengo

O choro na comemoração do gol da vitória do Flamengo sobre o Atlético-GO, por 2 a 1, representou um momento de redenção para Matheus Savio. O garoto de 20 anos foi um dos mais criticados após a eliminação na Libertadores diante do San Lorenzo, mas não foi crucificado internamente, longe disso. Na verdade, o garoto de 20 anos recebeu apoio do técnico Zé Ricardo e também dos companheiros de elenco.

Em 22 jogos pelo Flamengo, Matheus Savio já tem sete gols, sendo três neste ano. Se parte da torcida ainda tem certa desconfiança com o garoto, internamente ele é muito bem visto. Os envolvidos no futebol do Rubro-Negro entenderam o lance no qual Savio foi cobrado contra o San Lorenzo.

Savio admitiu que a comemoração do gol contra o Atlético-GO foi especial. Ele foi muito festejado pelo grupo do Flamengo após o lance.

"Foi uma comemoração que eu estava precisando. Fico feliz em ajudar a equipe e ainda mais com a classificação", disse o garoto.

A TRAJETÓRIA DE MATHEUS SAVIO

Savio foi lançado entre os adultos por Vanderlei Luxemburgo, ainda em 2015. Ainda naquele ano, ele teve contato com o time principal também nos treinos.

No ano seguinte, retornou ao sub-20 para a disputa da Copa São Paulo de Futebol Júnior, da qual foi um dos destaques da conquista do Flamengo. Após a Copinha, ele seguiu entre os garotos, mas como capitão e foi campeão do Torneio OPG.

No fim de 2016, foi convocado para defender a Seleção Brasileira Sub-20 no Sul-Americano e depois voltou como profissional no Rubro-Negro.

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos