Gilson Gênio, ponta do Flu na década de 1970, morre aos 59 anos

Cria das Laranjeiras e integrante da "Máquina Tricolor" na década de 1970, Gilson Gênio faleceu neste domingo, aos 59 anos, vítima de câncer colorretal. O ex-jogador do Fluminense, Grêmio, Bahia, América, Bangu e Santa Cruz, entre outros, lutava contra a doença desde 2014

Gilson Gênio, que ganhou o apelido da torcida tricolor no início de sua carreira, teve o quadro clínico agravado nos últimos meses por conta de uma infecção urinária e não resistiu. A informação foi passada pela família do ex-jogador ao portal "Globoesporte".

Depois de penduras as chuteiras em 1993, Gilson Gênio foi treinador e trabalhou por vários anos nas categorias de base do Fluminense.

No início de maio, dia 6, um jogo beneficente entre os times masters de Flu e América foi realizado em solidariedade a Gilson Gênio, com renda revertida para o tratamento do ex-jogador. O evento havia sido realizado outras vezes.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos