Roma anuncia saída de Spalletti, que pode treinar a Inter de Milão

A Roma oficializou nesta terça-feira a saída do técnico Luciano Spalletti. O comandante terminou a temporada sem títulos, mas com o segundo lugar do Campeonato Italiano, que garantiu os Giallorossi na fase de grupos da próxima Liga dos Campeões. Mas ele vinha sendo contestado pelos torcedores e foi vaiado no último domingo, na despedida do ídolo Totti.

A rescisão do contrato foi em comum acordo com a Roma, e Spalletti pode assumir a Inter de Milão na próxima temporada no lugar do interino Stefano Vecchi.

- Gostaríamos de registrar nossos mais sinceros agradecimentos a Luciano Spalletti pelo seu trabalho duro e significante contribuição que ele fez para o clube desde seu retorno. Sob seu comando nesta temporada, a equipe conquistou mais pontos e fez mais gols que qualquer outro momento da Roma na história do Campeonato Italiano. Nós desejamos a Luciano o melhor para o futuro - afirmou o presidente da Roma, Jim Pallotta.

Foi a segunda passagem de Spalletti pela Roma. A primeira foi em 2005 a 2009. Ele retornou em janeiro de 2016.

- Sou grato à toda a equipe técnica, aos jogadores e o "time invisível", que trabalha nos bastidores para que possamos fazer nosso trabalho. Penso que trabalhamos bem e fizemos um trabalho profissional. Deixamos a Roma em um bom lugar - disse Spalletti, em coletiva.

A imprensa italiana aponta Eusebio Di Francesco, do Sassuolo, como favorito para substituir Spalletti na Roma.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos