Vida que segue! Erro de assistente em gol do Botafogo é visto como 'superável'

Copa do Brasil de 2007: o Botafogo se despedia mesmo com uma vitória por 3 a 1 sobre o Figueirense e saía de campo no Maracanã com muita bronca da assistente Ana Paula Oliveira, responsável por anular dois gols legítimos. Passados dez anos, novamente uma bandeirinha causou polêmica em jogo do Glorioso na atual edição do torneio Copa do Brasil, mas com ferimentos leves para a equipe e sem margens para comparações. Afinal, no empate em 1 a 1 com o Sport, o gol de Rodrigo Pimpão mal anulado por Tatiane Sacilotti dos Santos Camargo não impediu que a equipe seguisse no torneio.

Formada em Educação Física em 2004, Tatiane Camargo ingressou na Federação Paulista de Futebol (FPF) em 2015, e deu seus primeiros passos na Copa São Paulo de Futebol Júnior. Sua atuação no Paulistão chamou atenção a ponto de ser designada para estar no quadro do Sul-Americano Feminino e, aqui no Brasil, estar presente em jogos de várias divisões nacionais.

Considerada uma das melhores assistentes de São Paulo, a assistente em 2016 já entrou para o quadro da Fifa e encarou desafios maiores: além do Paulistão, atuou em jogos envolvendo clubes de ponta da Copa do Brasil e no Brasileirão, dentre eles, os clássicos Palmeiras e Santos, e Internacional e Grêmio.

Na atual temporada, Tatiane Camargo também esteve presente em jogos para lá de decisivos: semifinal da Copa São Paulo de Futebol Júnior e, entre as partidas no Paulistão, em jogos da semifinal e na final da competição, entre Corinthians e Ponte Preta. Diante do histórico da assistente nos gramados, os ex-árbitros rechaçam a hipótese de que ela tenha sua carreira comprometida:

- O desempenho da Tatiane Camargo é muito bom! No Campeonato Paulista, ela mostra um nível acima da média de acerto, tanto que já foi considerada a melhor assistente por várias vezes. Erros acontecem mas, para sorte dela, o que houve na Ilha do Retiro não afetou a classificação do Botafogo. Ela está longe de ter risco de ver sua carreira comprometida - disse o ex-árbitro e comentarista da Rede Globo, Leonardo Gaciba, ao LANCE!.

Sálvio Spinola, ex-árbitro e comentarista da ESPN, crê que a falha é atípica para Tatiane Camargo, mas confia em uma superação:

- Ela já teve grandes acertos, mas esse na Ilha do Retiro é inaceitável para quem é nível Fifa e quem tem grandes jogos. Foi um erro na corrida e no seu posicionamento estava. Um erro inaceitável, mas que ela, sem dúvida, tem condições de superar - declarou, ao L!.

Carlos Eugênio Simon, ex-árbitro e comentarista da Fox Sports, também lamenta o erro da assistente, mas enaltece as qualidades dela em campo:

- Tatiane Camargo é uma assistente qualificada e competente. Recentemente, conseguiu ser aprovada nos testes da Fifa com exigências de categoria de tempo "masculina". É verdade que ela cometeu um erro grotesco ao anular o que seria o segundo gol do Botafogo diante do Sport. Mas erros acontecem.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos