Buffon perde sua terceira final e segue sem título da Champions

Neste sábado, Real Madrid e Juventus encerraram mais uma edição da Liga dos Campeões. Como de costume, a equipe espanhola levou a melhor e goleou a Velha Senhora por 4 a 1 no Estádio Nacional de Gales. Dessa forma o Real Madrid chega ao seu 12º troféu da competição, enquanto a Juventus segue com apenas duas taças, sendo a última conquistada em 1996. Decepcionado, o goleiro Buffon chega à sua terceira final com medalha de prata.

- É uma desilusão, porque fizemos tudo que era necessário para jogar a final e vencer. Fizemos um grande primeiro tempo, mas levamos um gol do Real Madrid e depois acabamos vendo episódios que não vão te deixar bem. Mas a verdade é que vencer essa competição é um momento difícil e você tem que encarar as adversidades - afirmou o goleiro.

A partida foi marcada por falhas da Juventus e pressão do adversário durante o segundo tempo e os deslises do time foram cruciais para que o Real Madrid não só virasse, como goleasse o time comandado por Massimiliano Allegri. Sem chances, o goleiro Buffon levou a pior mais três vezes após o empate dos italianos.

- Tentamos jogar bem no primeiro tempo para não dar grande vantagem ao Real. Mas não conseguimos concretizar as chances criadas em vantagem. Já no segundo tempo a força, classe e atitude do Real foi vista e eles acabaram vencendo - finalizou o arqueiro.

Após sua segunda conquista da taça em 1996, a Juventus chega à final da Liga dos Campeões pela quinta vez e fica apenas com a medalha de prata. Nos anos 1997, 1998, 2003, 2015 e 2017 a equipe conseguiu ficar entre os finalistas, mas não levou para casa o troféu de campeã.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos