Carrick marca no fim e assegura empate no jogo de lendas do United

A bola voltou a rolar na Inglaterra e fez com que os torcedores do Manchester United relembrassem os velhos tempos. Neste domingo, o volante Michael Carrick ganhou um jogo em sua homenagem, em reconhecimento aos 11 anos defendendo a equipe dos Diabos Vermelhos.

Apesar de ter renovado recentemente seu contrato por mais um ano, Carrick entrou em campo e foi decisivo ao marcar o segundo gol no empate por 2 a 2 entre o United de 2008 e o Michael Carrick All Star, um time recheado de estrelas.

Comandado por Sir Alex Ferguson, treinador do Manchester United durante quase 27 anos, o time de 2008 contou com Van der Sar, Brown, Vidic, Ferdinand, Evra, Park, Carrick, Scholes, Fletcher, Giggs e Rooney. Do outro lado, a equipe foi formada por Given; Carragher, Terry (c), Abidal; Seedorf, Mendieta, Marcos Senna; Duff, Owen e Keane. Gary Neville, Berbatov, Scholes e Gudjohnsen também participaram da festa no Old Trafford.

A equipe de Carrick começou a partida atrás do marcador. Isso porque Robbie Keane deu a assistência para Mendieta bater no canto de Van der Sar e abrir o placar aos 21 minutos do primeiro tempo. Pouco depois, Vidic deixou tudo igual. Em cobrança de escanteio, o zagueiro foi mais alto e acertou a cabeçada em direção à meta.

Na etapa complementar, Keane recebeu lançamento na área e encobriu Van der Sar, recolocando os All-Stars à frente. No entanto, já no final do jogo, Rooney percebeu Carrick chegando livre e, de fora da área, o volante acertou o chute rasteiro no canto. A bola ainda bateu na trave esquerda antes de entrar no fundo do gol.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos