Em jogo morno, Flamengo e Botafogo ficam no empate em Volta Redonda

Flamengo e Botafogo fizeram um clássico muito pegado no Raulino de Oliveira, em Volta Redonda e com um jogo abaixo do esperado, equipes ficaram no 0 a 0. O Rubro-Negro chegou ao seu terceiro empate no Campeonato Brasileiro, enquanto o Botafogo empatou pela primeira vez na competição nacional.

O empate deixou o Flamengo em décimo lugar ainda com jogos faltando para completar a rodada, mas Rubro-Negro soma sete pontos até o momento. O Botafogo está sexto, com sétimo.

Na próxima quarta-feira, o Flamengo encara o Sport, fora de casa, na Ilha do Retiro, enquanto o Botafogo visita o Santos, no mesmo dia, no estádio do Pacaembu.

O JOGO

A primeira etapa foi de muita briga pelo meio-campo e poucas chances de gol. O Flamengo tinha mais a posse de bola, mas faltava criatividade para conseguir levar perigo ao gol defendido por Gatito Fernández. Guerrero tentou de fora da área, mas chute acabou indo pela linha de fundo.

Com os vários erros na saída de bola do Flamengo, o Botafogo tentava sair no contra-ataque e Roger quase aproveitou após vacilo de Réver. Camisa 9 soltou a bomba e Muralha fez boa defesa salvando o Rubro-Negro. Antes do fim do primeiro tempo, Jair Ventura ainda teve duas baixas por lesão. Victor Luis e Airton deixaram o gramado machucados.

No segundo tempo, o jogo foi mais aberto e Guerrero quase abriu o placar após passe de Trauco, mas Gatito Fernández salvou o Botafogo. O Botafogo respondeu com Roger, mas o camisa 9 alvinegro foi mal e perdeu chance incrível, de frente para Muralha.

Zé Ricardo mandou o time para frente, colocando Diego e Vinicius Jr. Qualidade no passe melhorou, mas finalização ainda precisava estar mais calibrada. Everton saiu cara a cara com Gatito e mandou pra fora. Jogo melhorou na etapa final, com o Flamengo tendo mais posse de bola e o Botafogo apostando nos contra-ataques.

Com a maior posse de bola e dominando o jogo, o Rubro-Negro pressionava e atuava no campo de ataque, o Botafogo pareceu sentir a parte física e Vinicius Jr incendiou o jogo. Garoto foi pra cima e quase fez um golaço batendo de fora da área, mas parou no travessão de Gatito.

Nos minutos finais, o Botafogo ainda tentou ir para cima do Flamengo, mas sem sucesso. Zé Ricardo ainda colocou Leandro Damião para tentar fazer uma pressão final, mas camisa 18 entrou mal e não conseguiu ajudar na parte ofensiva.

Time comandado por Zé Ricardo teve sequência de escanteios, mas não conseguiu aproveitar. Flamengo bombardeava, mas os defensores do Botafogo conseguiram afastar praticamente todas as bolas. Alvinegro parecia satisfeito com o empate, segurou a bola e esperou o apito final do árbitro, para garantir o 0 a 0.

FICHA TÉCNICA

FLAMENGO 0 x 0 BOTAFOGO

Local: Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ)

Data e hora: 04/06, 11h (horário de Brasília)

Árbitro: Dewson Fernando de Freitas (PA)

Auxiliares: Helcio Araujo Neves e Jose Ricardo Guimares (ambos do PA)

Cartão Amarelo: Cuéllar e Juan (FLA); Bruno Silva e Joel Carli (BOT)

Cartão Vermelho: Não houve.

Público e Renda: 8.877 pagantes - 10.577 presentes - R$ 425.635,00

Gols: Não houve.

Flamengo: Alex Muralha; Pará, Réver, Juan e Trauco; Márcio Araújo, Cuellar (Diego, 14/2ºT), Willian Arão (Leandro Damião, 40'/2ºT) e Ederson (Vinicius Júnior, 21/2ºT); Everton e Guerrero. TEC: Zé Ricardo.

Botafogo: Gatito; Arnaldo, Joel Carli, Igor Rabello, Victor Luis (Gilson, 36'/1ºT); Airton (Dudu Cearense, 48'/1ºT), Bruno Silva, Matheus Fernandez, João Paulo; Roger e Pimpão (Joel. 32'/2ºT). TEC: Jair Ventura.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos