'Torcida do Fluminense e Calazans precisam esperar o tempo de Abel'

A torcida já foi determinante em campo várias vezes, quando ouvida pelo técnico do seu time do coração. O próprio Abel já atendeu alguns pedidos da arquibancada, substituindo jogadores que estavam sendo vaiados em campo por reservas aclamados pelos tricolores. Entretanto, o técnico tem ignorado os pedidos pelo meia-atacante Calazans.

O jogador de apenas 21 anos foi recentemente promovido à equipe principal e, depois de ter sido utilizado na lateral-esquerda, tem ficado fora de algumas partidas. Após quatro jogos sem ser relacionado, Calazans atuou por apenas oito minutos na derrota por 3 a 1 para o Grêmio, pela Copa do Brasil. A atuação resumiu a única oportunidade que teve jogando pela ponta, inclusive se destacou na posição.

Na partida da última terça-feira, que rendeu ao Tricolor o empate em 1 a 1 com o Atlético-PR, a torcida pedia incansavelmente a entrada do meia-atacante e o técnico Abel explicou que ainda não era o momento, pois o jogador, apesar de ter valor dentro do elenco, não deve ser utilizado como solução de todos os problemas. E o atleta respondeu enaltecendo o trabalho do técnico.

- Claro que eu fico frustrado, pois todo jogador deseja entrar em campo. Queria muito ter tentado ajudar o Fluminense no jogo. Mas o Abel é o nosso comandante e sabe o que é melhor para o time. Tenho muito respeito por ele e também pelos meus companheiros - afirmou o jogador.

Em meio a situação, o ex-atacante tricolor Roni, campeão carioca pelo clube em 2002, acredita que Calazans e a torcida tricolor precisam esperar o tempo certo de Abel, para que o jogador volte a ser escalado entre os principais.

- Acho que o Abel é um treinador competente e capacitado pra saber o momento certo de usar o Calazans no time. O jogador é novo, tem apenas 21 anos, e apesar de ter vindo da base do próprio Fluminense continua naquele processo que todo jogador que se torna profissional precisa passar para enfim receber uma oportunidade entre os profissionais. O próprio Calazans precisa reconhecer isso e ter paciência, porque a hora dele vai chegar, ele até já recebeu algumas oportunidades. Mas se Abel acredita que não deve colocá-lo entre os principais jogadores agora, ele precisa ter calma e esperar o momento certo. O mesmo serve para a torcida.

Por outro lado, Otavio Oliveira, do 'Papo com Boleiro' acredita que Abel deve dar uma chance ao jovem meia-atacante.

- Calazans é um jovem talentosíssimo e a torcida está certa em querer vê-lo jogar. Assim como fez com o menino Wendel, Abel deveria dar mais oportunidades ao Calazans. É a hora de separar os meninos dos homens e, Calazans, tem que jogar no time dos homens.

O Fluminense volta aos gramados no próximo domingo, às 16h, desta vez para enfrentar o Palmeiras no Allianz Parque. A partida vale a sexta rodada do Campeonato Brasileiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos