De Clayton a Marquinhos Gabriel: em boa fase, Carille 'resgata' contestados

Sem perder uma única partida desde o dia 19 de março, o Corinthians tem aproveitado a boa fase para se aperfeiçoar e trabalhar novas alternativas. Nesta quarta-feira, desfalcado de quatro titulares da escalação campeã paulista, o técnico Fábio Carille apostou em um garoto na zaga, um improviso na lateral direita, um recém-chegado na ponta esquerda e um jogador contestado pela torcida do lado esquerdo.

Além disso, ele ainda promoveu no segundo tempo a entrada de dois jogadores que não atuavam há mais de um mês e mais um que também não caiu nas graças da Fiel. Resultado? 5 a 2 contra o Vasco mesmo jogando em São Januário, no Rio de Janeiro.

- O Marquinhos Gabriel foi muito questionado e já havia entrado bem contra o Vitória, participando do gol. Hoje (quarta-feira) ele fez um grande jogo, marcando o primeiro gol. O Clayton teve altos e baixos, mas é normal ter essa experiência, passar por essa adaptação. O Pedrinho também entrou bem hoje. Estou muito feliz com o elenco que tenho - sintetizou o comandante após o jogo.

Marquinhos Gabriel, contratado no ano passado, alvo da ira da torcida e que agora tenta a volta por cima, foi um dos protagonistas da goleada desta quarta-feira, com um gol e uma assistência para Jô no primeiro tempo. O volante Maycon ainda marcou mais um, mas foi Clayton quem completou a contagem, com gols marcados aos 38 e 46 minutos do segundo tempo. O camisa 9 também é alvo frequente da torcida por conta de atuações irregulares e comemora a oportunidade de mostrar serviço mesmo em pouco tempo.

- A gente trabalha todos os dias e espera oportunidades para aproveitar da melhor maneira possível. A equipe soube jogar bem no segundo tempo e aproveitou os contra-ataques. O ataque hoje foi eficiente e é bom exaltar a força do grupo, que três jogadores foram para a Seleção e todos entraram bem, depois quem entrou no jogo foi bem também, a força do grupo é muito importante - afirmou o camisa 9 corintiano.

Mesmo sem terem marcado gols, outros dois jogadores do elenco do Corinthians tiveram noites especiais. O meia Pedrinho voltou a ter uma chance após exatamente um mês - ele não atuava desde a final do Paulistão, contra a Ponte Preta. O também meio-campista Giovanni Augusto já não entrava em campo há quase dois meses, desde o jogo contra o Internacional, em 12 de abril. A dupla voltou a ter chances sob o comando de Fábio Carille e pode ser útil nos próximos compromissos.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos