Ex-dirigente do Atlético-MG, Eduardo Maluf morre aos 61 anos

O Atlético-MG está de luto nesta quinta-feira. Diretor de futebol do clube no período das conquistas da Libertadores, Recopa Sul-Americana e Copa do Brasil, Eduardo Maluf não resistiu às complicações causadas por um câncer no estômago e morreu aos 61 anos.

O dirigente convivia com a doença desde o ano passado, quando chegou a ser afastado de seu cargo. Liberado após se submeter a uma quimioterapia intensiva, Maluf voltou a exercer o seu cargo. No entanto, os efeitos causados pelo câncer no estômago voltaram a afetá-lo, e ele não resistiu.

Eduardo Maluf teve sua trajetória ligada ao esporte desde jovem. Após jogar futsal e futebol no Valério, ele chegou a ser dirigente no Cruzeiro, sob a gestão de Zezé Perella, onde colecionou 16 títulos. No Atlético-MG, além das conquistas de nível nacional e internacional, obteve três Campeonatos Mineiros.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos