Para onde vai Diego Costa? Como está a situação do jogador

  • Matt Dunham/AP

Diego Costa segue com o nome borbulhando nas manchetes da imprensa europeia. Nesta sexta-feira, o jornal "As" traz a mensagem que Antonio Conte enviou a Diego Costa, onde fica claro o desinteresse do treinador em contar com o hispano-brasileiro na temporada 2017/18.

"Olá, Diego, espero que você esteja bem. Obrigado pela temporada que passamos juntos. Boa sorte para o próximo ano, mas você não está nos meus planos", digitou Conte, de acordo com o jornal espanhol.

Cabe lembrar que, recentemente, Diego Costa explicou o caso aos jornalistas na zona mista do amistoso entre Espanha e Colômbia (2 a 2), realizado na última quarta-feira. Sobre o seu futuro nos Blues, o camisa 19 revelou:

"Sou jogador do Chelsea, mas ali não me querem. Antonio Conte me enviou uma simples mensagem no celular e disse que não conta comigo para a próxima temporada. Minha relação com o treinador foi ruim nesta temporada e está claro que ele não me quer na equipe. Suponho que devo ter feito uma má temporada para não continuar...", disse Diego.

DESTINO: ATLÉTICO DE MADRID?

Diego Costa tem vínculo com o Chelsea até junho de 2019. O entrevero entre o jogador e Conte é antiga, mas ao fim da temporada, mesmo com o incontestável título inglês e a relevância do centroavante, que marcou 20 gols em 35 jogos na Premier League, a situação tornou-se insustentável.

Com isso, Diego Costa segue mais ventilado do que nunca em clubes rivais. Cotado no Milan, o atleta de 28 anos também é visto com bons olhos para retornar ao Atlético de Madrid, clube no qual atuou por três temporadas, brilhando, principalmente, em 2013/14, quando anotou 36 gols em 52 jogos.

O jornal britânico "Mirror", inclusive, revelou que Antonio Conte tomou a decisão de não utilizá-lo mais por conta de uma foto de Diego Costa jantando com Diego Simeone, técnico do Atlético de Madrid, ter vazado, no fim de 2016. Para o italiano, ficou evidente que Diego queria voltar ao clube espanhol.

Contudo, em relação ao Atleti, um obstáculo pode impedir o retorno. Isso porque, o clube colchonero foi punido recentemente pelo TAS por conta de irregularidades nas contratações de jogadores menores de idade e terá que ficar seis meses sem contratar. Assim, reforços só poderão chegar em janeiro de 2018. Diego também falou sobre uma possível volta ao Atlético.

"Não sei se é a melhor opção porque ficar quatro ou cinco meses sem jogar é complicado, mas as pessoas sabem que eu gosto muito do Atleti e também adoro viver em Madri. Tenho que pensar no meu futuro. Para alguém que quer estar jogando sempre e permanecer na seleção eu preciso pensar. Há uma Copa logo em seguida. Preciso jogar, só isso", comentou Diego Costa, lembrando a importância de manter-se em atividade visando o Mundial em meados de 2018, na Rússia.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos