ATUAÇÕES: A retomada de Prass e brilho de Guerra embalam o Verdão

O Palmeiras não encheu os olhos do torcedor, mas teve boa atuação e vez o que precisa, vencer. Fernando Prass não teve culpa no gol sofrido e fez duas boas defesas. Já Guerra dominou o meio de campo e abriu o caminho do triunfo do Verdão sobre o Fluminense em casa. Confira as notas do LANCE!:

PALMEIRAS

7,5

Fernando Prass

Sem culpa no gol. Fez duas grandes defesas à queima-roupa e vibrou bastante. Bom para retomar a confiança depois das falhas recentes.

5,0

Jean

Incapaz de parar as investidas do veloz Calazans. Falhou no lance do gol, trocou de lugar com Tchê Tchê e saiu de campo ainda no intervalo.

6,5

Edu Dracena

Teve trabalho para dar cobertura à avenida deixada por Jean do lado direito, mas não comprometeu. Seguro nos cortes dentro da área.

6,5

Juninho

Estava mal posicionado no lance do gol. Fora isso, fez boa partida. Assustou o goleiro com cabeceio e lançou para Róger marcar no fim.

6,5

Zé Roberto

Cobrou o lateral certeiro que originou o primeiro gol do Verdão. Aos 42 anos, teve mais fôlego que os companheiros para marcar Calazans, de 20.

6,0

Felipe Melo

Não comprometeu marcação, mas arranjou confusão e levou um amarelo bobo por reclamar da comemoração do adversário. Saiu com dores.

6,5

Tchê Tchê

Atuação apagada como volante. Não foi firme na marcação, tampouco distribuiu o jogo. Melhorou quando trocou com Jean, e anulou Calazans.

7,5

Alejandro Guerra

Atento e bem postado para marcar o gol. Chamou para si a criação de jogadas, lançou bolas perigosas na área e deu trabalho aos marcadores.

7,5

Róger Guedes

Habilidoso e veloz. Sem ter opção de passe, deixou dois marcadores para trás e deu assistência para Keno. Coroou grande atuação com gol no fim.

6,0

Willian

Apagado, não levou perigo efetivo ao gol de Júlio César, mas foi quem escorou a bola para Guerra depois da cobrança de lateral de Zé Roberto.

7,0

Keno

Subiu ao ataque com facilidade, mas, por vezes, estava sozinho. Cometeu erros de domínio e passe. Se redimiu com o gol e ainda criou mais chances.

6,5

Thiago Santos

Pendurado, ficou no banco para não correr risco de perder o jogo com o Santos. Entrou no intervalo e logo ajudou a acertar marcação.

6,0

Fabiano

Acionado depois que Felipe Melo sentiu dores. Entrou na direita, no lugar de Tchê Tchê, e ajudou a recompor a marcação. Pouco destaque na frente.

6,5

Michel Bastos

Entrou nos minutos finais e já levou perigo ao goleiro Júlio César com um chute forte de longa distância, que passou por cima do travessão.

7,0

Cuca

Soube fazer as trocas para ajustar a marcação e contou com boa atuação de Prass. Time voltou a fazer gol de lateral, o que não ocorria desde 2016.

FLUMINENSE

5,0

Júlio César

Não falhou nos gols sofridos, mas das quatro bolas que chegaram à sua meta, três balançaram a rede. Poderia ter feito mais.

6,0

Lucas

Bem na defesa, o lateral-direito não deu espaços para os avanços do Palmeiras por ali. Participação discreta no campo de ataque.

5,0

Henrique

Com a saída de Luiz Fernando, foi deslocado para a função de volante. Se esforçou, mas teve dificuldade no posicionamento.

6,0

Reginaldo

Se destacou na bola aérea defensiva, cortando alguns das várias bolas alçadas pelo adversário.

5,0

Léo

Acabou envolvido pelo ataque palmeirense e voltou a errar muitos cruzamento. No gol de Keno, foi facilmente driblado por Róger Guedes.

-

Luiz Fernando

Lesionou o joelho direito logo aos cinco minutos e foi substituído.

6,0

Wendel

É o pulmão do time de Abel Braga. Se desdobra na marcação, aparecendo por todo campo. A contribuição ofensiva não foi grande.

4,5

Marquinho

Elogiado por Abel antes do jogo, o meia voltou a ter uma atuação fraca. Preso na marcação rival, deixou toda armação nos pés de Scarpa.

5,0

Gustavo Scarpa

O camisa 10 ficou devendo no Allianz Parque. Errou muitos passes, especialmente no primeiro tempo, mas não deixou de buscar a bola.

6,5

Marcos Calazans

No time titular pela ausência de Richarlison, mostrou porque era pedido pela torcida. Boas jogadas pela esquerda e assistência para Dourado.

6,5

Henrique Dourado

Mais uma boa atuação e mais um gol do Ceifador do Brasileiro. Perdeu uma boa chance no primeiro tempo e não foi acionado na etapa final.

5,5

Nogueira

Deu alguns sustos na saída de bola, mas não comprometeu na defesa.

5,5

Matheus Alessandro

Entrou para ser mais uma opção de velocidade pelos lados, mas não conseguiu encaixar os contra-ataques.

5,0

Marcos Junior

Teve a chance de empatar a partida aos 46 minutos do segundo tempo, mas cabeceou em cima do Fernando Prass.

6,5

Abel Braga

O técnico tricolor fez o possível com as poucas opções que tinha para a partida. A entrada de Marcos Calazans pela esquerda foi acertada.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos