Com sombra de Lucas Lima, Vecchio foge da meia: 'Impossível substituir'

Depois de ser utilizado como meia no confronto com o Botafogo, em que o Santos venceu por 1 a 0, Vecchio revela que prefere jogar como volante, onde a concorrência é menor do que na meia. Lucas Lima é o camisa 10 e titular absoluto.

- Mesmo dando o meu melhor (como meia), são outras características. É muito importante que ele (Lucas Lima) esteja de volta. É impossível substitui-lo. Joguei de meia, mas minha função é segundo volante. Joguei contra o Corinthians nessa função e ganhamos de 2 a 1. Vou procurar espaço nessa posição. Fizemos boa dupla com Lucas Lima. Vamos ver o que acontece - explicou.

O argentino foi contratado pelo Peixe como meia, mas sabe que o titular é Lucas Lima e das dificuldades para substitui-lo. Mesmo com a falta de sequência, o camisa 20 fez uma atuação regular na noite contra o Botafogo.

Depois de ter um estiramento na coxa direita, Lucas deve retornar ao Alvinegro neste domingo, na partida contra o Atlético-PR, às 19h, na Arena da Baixada. Com isso, Vecchio deve voltar para o banco de reservas.

Antes de ganhar a oportunidade de atuar com Elano, Vecchio estava decidido a deixar o Peixe com destino ao Estudiantes, da Argentina. Ele também recebeu propostas do Rosário Central, clube que o sondou desde o início deste ano, e do Goiás.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos