Mundial sub-20: Venezuela quer proeza contra a Inglaterra na final

O planeta do futebol sub-20 está de cabeça para baixo. No Mundial da categoria, a Venezuela, histórico saco de pancadas na América do Sul, luta por uma façanha neste domingo, quando disputa a final do torneio diante da Inglaterra, às 7h (de Brasília), na Coreia do Sul.

A campanha impressiona, principalmente, pela crise que assola o país. O caos vivido no governo de Nicolás Maduro fez com que o os campeonatos de diversas modalidades fossem paralisados por falta de dinheiro, por exemplo. Mesmo assim, a seleção juniores da Venezuela se empenhou na preparação, fez amistosos com equipes italianas e é treinada com afinco pelo comandante da seleção principal, o ex-goleiro Rafael Dudamel.

Com destaque para o atacante Peñaranda, do Málaga (ESP), e o meia Soteldo, do Huachipato (CHI), a Venezuela bateu poderosos como Alemanha, México e Uruguai para chegar até a decisão. Agora, o objetivo é dar o derradeiro passo e deixar o país ainda mais orgulhoso de uma proeza.

- Temos um compromisso e responsabilidade com nosso país. Temos que dar alegrias ao nosso povo, que muito merece - disse o goleiro Wuilker Faríñez.

Com uma geração muito elogiada pela imprensa internacional, a Inglaterra tenta acabar com o momento de êxtase dos adversários, que disputarão a primeira decisão em torneios da Fifa em sua história. O jogo promete entregar todas as emoções esperadas de uma grande decisão.

DECISÃO DO TERCEIRO LUGAR

Pouco antes da final do Mundial, Uruguai, derrotado pela Venezuela nos pênaltis nas semifinais, e a Itália, que caiu por 3 a 1 para os ingleses, jogarão pelo terceiro lugar da competição. O duelo iniciará às 3h (de Brasília).

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos