Vasco reencontra o caminho das vitórias e derrota o Sport em casa

O Vasco voltou na noite deste sábado, em São Januário, a reencontrar o caminho das vitórias no Campeonato Brasileiro. Após duas derrotas - para Grêmio e Corinthians -, o time comandado por Milton Mendes derrotou o Sport por 2 a 1, gols de Luis Fabiano e Douglas. Fabuloso, inclusive, é o artilheiro do Cruz-Maltino no torneio com cinco gols.

As escalações titulares do Vasco nos últimos jogos foram equivocadas. E isso o técnico Milton Mendes repetiu diante do Sport. Dentro de casa, com o apoio da torcida e enfrentando um rival tecnicamente pior, não era hora de se colocar três volantes - Jean, Douglas e Wellington. Principalmente o último, que não conseguiu mostrar a que veio.

O esquema inicial tanto não deu certo que nos 45 minutos iniciais, ofensivamente, o Vasco praticamente foi nulo. Mateus Vital, promessa cruz-maltina, ficou sobrecarregado na criação. O Sport de Vanderlei Luxemburgo também não atacava, vale destacar. A única chance de gol da etapa inicial foi aos 42, quando Magrão fez grande defesa após Luis Fabiano mandar rasteiro.

Em alguns momentos do primeiro tempo e na saída dos jogadores para o intervalo, os torcedores nas arquibancadas pediram com unanimidade a entrada de Nenê. Milton Mendes atendeu a solicitação - com atraso, já que desde o jogo contra o Grêmio vejo Nenê com a posição de titular recuperada. E a ofensividade nula vista na etapa inicial saiu para dar espaço a um time mais criativo.

Nenê e Mateus Vital passaram a dividir a responsabiidade de criação, dando mais opções para Manga e Luis Fabiano no ataque. A defesa do Sport passou a ter mais trabalho, com lances importantes fazendo o grito do torcedor ser cada vez mais forte. Até o primeiro gol do Vasco, que saiu aos 17 minutos. Mateus Vital achou Luis Fabiano, que aproveitou o faro de artilheiro para marcar.

Milton Mendes resolveu sacar Mateus Vital e colocou Jomar, deixando o time com três zagueiros. Isso fez com que o Sport fosse ainda mais para cima, com o Vasco trabalhando no contra-ataque. Durante os acréscimos, mais dois gols saíram, um para cada lado. Aos 45, Nenê achou Evander, que tocou para Gilberto cruzar e Douglas estufar. No minuto seguinte, Leandro Pereira foi derrubado por Gilberto na grande área. Pênalti para o Sport marcado, convertido por André. Nada mais deu para se fazer, vitória do Vasco.

Para a sequência, Milton Mendes precisa mudar as estratégias iniciais. As últimas atuações de segundo tempo do Vasco comprovam isso.

FICHA TÉCNICA

VASCO 2 X 1 SPORT

Estádio: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)

Data/hora: 10/6/2017 - 19h (de Brasília)

Árbitro: Caio Max Augusto Vieira (RN)

Auxiliares: Flavio Gomes Barroca (RN) e Vinicius Melo de Lima (RN)

Renda/público: R$ 291.615,00/9.485 pagantes/10.273 presentes

Cartão amarelo: Osvaldo (SPO)

GOLS: Luis Fabiano 17'/2ºT (1-0), Douglas 45'/2ºT (2-0) e André 47'/2ºT (2-1)

VASCO: Martin Silva, Gilberto, Breno, Paulão e Henrique; Jean, Wellington (Nenê intervalo), Douglas e Mateus Vital (Jomar 37'/2ºT); Manga (Evander 24'/2ºT) e Luis Fabiano. Técnico: Milton Mendes.

SPORT: Magrão, Samuel Xavier, Ronaldo Alves, Durval e Patrick; Anselmo (Leandro Pereira 28'/2ºT), Thallyson (Sander intervalo) e Rithely; Thomás (Rogério 11'/2ºT), Osvaldo e André. Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos