Ajax 'se cala' e São Paulo acerta renovação com Junior Tavares

Em meio ao período de transferências na Europa, o São Paulo deu um passo importante para atender a Rogério Ceni e não perder mais jogadores. Junior Tavares, que despertou interesse do holandês Ajax, acertou a renovação de seu contrato até o final de 2021. O novo vínculo deve ser assinado nas próximas semanas.

A informação sobre a prorrogação do compromisso do lateral-esquerdo foi dada inicialmente pelo Globo Esporte.com e confirmada pelo LANCE! O jogador de 20 anos recebeu aumento de salário para ampliar seu contrato atual, que se encerra em 2019.

- Na semana passada, encaminhamos a renovação com o São Paulo até o fim de 2021. Só falta assinar o contrato e é só falta análise jurídica na elaboração do contrato mesmo. Na semana que vem ou na outra, o novo contrato será assinado - disse Fabiano Carpegiani, representante de Junior Tavares, ao LANCE!

O São Paulo se mexeu enquanto o Ajax não se posiciona oficialmente para levar o jogador. O time teve observadores no Morumbi vê-lo na vitória por 2 a 0 sobre o Avaí, no último dia 22, e um dirigente do clube, com voz ativa para fazer uma oferta, esteve no estádio para acompanhá-lo no triunfo por 2 a 0 sobre o Palmeiras, no dia 27.

Comenta-se na Holanda que o Ajax prepara uma proposta de 8 milhões de euros (quase R$ 30 milhões) pelo lateral-esquerdo e nenhuma das partes envolvidas com ele descartam a negociação. Mas, até agora, nada oficial chegou, e Junior Tavares segue como peça importante no time de Rogério Ceni.

- Observadores do Ajax viram dois jogos no Morumbi, no mês passado, e voltaram para a Holanda. Disseram que gostaram bastante, que o Junior tem características que eles apreciam, só que não me falaram de valores. Pode ser que façam proposta, mas garanto: a cabeça do Junior está inteiramente dentro do São Paulo - falou Fabiano Carpegiani.

Junior Tavares foi formado pelo Grêmio, mas atuou pelo time sub-20 do São Paulo no ano passado e, após ser aprovado por Rogério Ceni, a diretoria comprou 50% de seus direitos econômicos. No acordo com o clube gaúcho, a equipe tem até 2019 para adquirir mais 30% dos direitos de Junior por um valor considerado baixo pela diretoria no Morumbi, até pela importância do jogador, presente em 31 das 31 partidas do time em 2017.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos