Bruno Silva ultrapassa marca do ano passado e briga entre os artilheiros

  • Luciano Belford/AGIF

Do empate com gosto amargo no Barradão, o ponto positivo do Botafogo ficou por parte de Bruno Silva, que é o grande destaque ofensivo do time dentro do Brasileirão. Com quatro gols na competição - sendo seis na temporada - o volante/meia alvinegro está perto da artilharia do Alvinegro neste ano, na frente de Rodrigo Pimpão (jogos oficiais) e atrás apenas de Roger (sete gols).

"Mudou nada não. Jogo na mesma posição, tenha facilidade de atacar, sempre fiz gol, sempre estou chegando, fazendo meus gols. Sinal de que meu trabalho no dia da dia está dando certo", comemorou Bruno, comparando o momento com o do ano passado, quando marcou cinco gols naquela temporada.

Até por isso, Bruno Silva segue sendo peça-chave no esquema de Jair. O técnico sempre valoriza o fato de não ter um atleta com as mesmas características dele no elenco. E na coletiva pós-jogo o comandante foi só elogios ao camisa 8.

"Converso muito com o Bruno, tem esse potencial de chegar na área, muito forte fisicamente. Cansou no segundo tempo e pediu para sair, é que ele vai para a área toda hora. Então é complicado. Tem que extrair o máximo de todos os jogadores, vejo esse potencial no Bruno. Por vezes eu ainda coloco ele como primeiro volante, quando preciso do resultado, coloco meias nos lugares dos meus médios. Ele tem total liberdade para ser esse homem surpresa, estar na área, faz isso com a gente desde o ano passado. Deixa de ser uma arma surpresa, mas é um jogador importantíssimo dentro do elenco", disse Jair.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos