Borja volta, desencanta e dá vitória ao Verdão contra o Atlético-GO

Depois de um mês sem começar uma partida e quase 40 dias sem marcar, Borja foi decisivo nesta quarta-feira para dar ao Palmeiras a magra vitória sobre o Atlético-GO, por 1 a 0, no Allianz Parque. Este foi o segundo triunfo seguido do atual campeão no Campeonato Brasileiro.

Substituto de Willian, suspenso, o centroavante colombiano era o nome do confronto. Ele não jogava pelo Verdão desde o dia 4 de junho, quando entrou no intervalo do empate com o Atlético-MG, também no Palestra Itália. A nova chance, diante da segunda defesa mais vazada da competição, em casa, parecia ser tudo que o camisa 9 precisava. Mas até os 45 minutos do primeiro tempo as coisas não aconteciam.

Nas vezes em que pressionou a equipe goiana, o Verdão criou perigo - o problema é que isto aconteceu pouco. O Atlético-GO, apesar das dificuldades técnicas ainda teve três chances em erros de marcação do Palmeiras. Na principal, Everaldo ganhou de Edu Dracena e saiu na cara de Fernando Prass - o tirou saiu torto.

Na sequência, a primeira boa oportunidade alviverde: toque inteligente de Borja para Róger Guedes, que acabou interceptado pelo goleiro Felipe. Aos 45, passe do camisa 23 para o colombiano, que não perdeu a oportunidade. Gol e comemoração com grito de alívio do centroavante, que durante o jogo criou oportunidades, mas em outros momentos pareceu desatento.

Ele teve a chance para fazer o segundo e definir a vitória após lançamento de Guerra, mas chutou em cima do goleiro. Deste lance em diante a etapa final, que estava controlada pelo Verdão, tornou-se perigosa. Se Dudu, de volta após lesão na coxa, perdeu uma chance quase na pequena área, livre, Fernando Prass teve de fazer um milagre diante do chute rasteiro de Júnior Viçosa.

Apesar das chances dos dois lados, o gol de Borja foi o único da noite. No fim, ele ainda foi substituído por Raphael Veiga, ouviu os aplausos dos 29 mil palmeirenses que estavam na arena e recebeu o cumprimento de Cuca na beira do campo.

Uma vitória sem grande exibição do Palmeiras, mas que já coloca o time na primeira metade da tabela, aproximando-se do G4 e mais longe da zona de rebaixamento. O Atlético-GO, com seis pontos, é o penúltimo e na próxima rodada visita o Vasco. Já o Verdão vai a Campinas enfrentar a Ponte Preta.

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS 1 X 0 ATLÉTICO-GO

Local: Allianz Parque, São Paulo (SP)

Data-Hora: 21/6/2017 - 21h

Árbitro: Antonio Dib Moraes de Sousa (PI)

Auxiliares: Cleriston Clay Barreto Rios (SE) e Fábio Pereira (TO)

Público/renda: 29.014 pagantes/R$ 1.590.701,88

Cartões amarelos: Guerra e Mina (PAL), André Castro e Silva (AGO)

Cartões vermelhos: -

Gols: Borja (46'/1ºT) (1-0)

PALMEIRAS: Fernando Prass; Mayke, Mina, Edu Dracena e Egídio; Jean, Tchê Tchê (Luan, aos 32'/2ºT) e Guerra; Róger Guedes, Keno (Dudu, aos 23'/2ºT) e Borja (Raphael Veiga, aos 39'/2ºT). Técnico: Cuca.

ATLÉTICO-GO: Felipe; André Castro, Eduardo Bauermann, Roger Carvalho e Bruno Pacheco; Marcão Silva, Silva, Breno Lopes (Walterson, aos 38'/2ºT), Luiz Fernando e Andrigo (Diego Rosa, aos 15'/2ºT); Everaldo (Junior Viçosa, aos 27'/2º). Técnico: Pintado.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos