Arouca chega à metade da recuperação após operar o tornozelo

  • Cesar Greco/Fotoarena

Sem jogar desde janeiro, Arouca não tem sido visto pela imprensa na Academia de Futebol. Isso porque o meio-campista segue a recuperação da segunda cirurgia que fez no tornozelo esquerdo em 2017. A evolução tem sido satisfatória na visão do clube, mas o caminho está apenas na metade.

O camisa 5 disputou o amistoso contra a Chapecoense, em janeiro, mas uma entorse no tornozelo o fez passar pela primeira cirurgia. O procedimento serviu para tirar um fragmento de cartilagem que incomodava o jogador. Ele se recuperou, chegou a ficar à disposição, mas com o decorrer do tempo a dor voltou, tornou-se intensa e limitou cada vez mais seus movimentos.

O departamento médico decidiu então fazer um novo procedimento, este mais complexo, para tratar de uma vez a cartilagem. A segunda cirurgia aconteceu no dia 24 de março.

A avaliação é de que Arouca está com boa evolução física, mas ele ainda não pode sofrer impactos no tornozelo. O meio-campista tem treinado em dois períodos, ainda na parte interna do CT. Por isso tem sido pouco visto em registros na Academia de Futebol.

Uma das fotos mais recentes foi tirada em evento com Egídio, Felipe Melo, Michel Bastos e o técnico Argel Fucks. Arouca apareceu com um corte mais parecido com o de Zé Roberto do que as tranças que acostumou-se a usar, além de cavanhaque.

Aos 30 anos, Arouca tem contrato com o clube até o dia 31 de janeiro de 2019. Contratado no começo 2015, o camisa 5 tem 61 partidas pelo clube e não marcou nenhuma vez.

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos