Brenner estreia, finaliza mais do que Pratto e recebe elogios de Ceni

Primeiro jogador nascido nos anos 2000 a jogar pelo São Paulo, o atacante Brenner estreou como profissional na noite de quarta-feira, na derrota por 1 a 0 para o Atlético-PR. Ele entrou aos 30 do segundo tempo no lugar de Cueva e não conseguiu reverter o placar na na Arena da Baixada, mas foi bem, com três finalizações - uma a mais que Lucas Pratto, que ficou os 90 minutos em campo.

Apenas Thiago Mendes e Jucilei finalizaram tanto quanto Brenner. O garoto, que é destaque do time sub-17 do São Paulo, agradou Rogério Ceni e até arrancou elogios do treinador.

"É um jovem de 17 anos e que se destacou na base. Treinou conosco, gosto de promover esse intercâmbio. Léo Natel veio, Caíque também. É um intercâmbio bacana para um garoto de Cotia vislumbrar a possibilidade de jogar no São Paulo. O Brenner apesar de jovem teve a chance. Ontem no treino fez dois gols, foi bem", afirmou o treinador.

Brenner fez seu primeiro treino com o time principal na segunda-feira, e ficará no CT da Barra Funda até o fim da semana para ser observado de perto pela comissão técnica. Ele é artilheiro da equipe no Paulista Sub-17, com 22 gols em 11 jogos, e caminha a passos largos para bater o recorde de Gabriel Jesus, que marcou 37 tentos nos 22 jogos que disputou na edição de 2014 do torneio.

"Apostei nele, é um menino de talento. Gosto de trabalhar com os meninos da base. - Ele é um 9 que se movimenta e sai da área. Joga de falso 10. O Cueva estava um pouco cansado e a entrada dele foi consciente. Não tenho receio de trabalhar com jovens. Só quero que tenham o mesmo desejo que tenho: ter o sonho de jogar e vencer com o São Paulo", completou Ceni.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos