Colorado tenta findar pressão por resultados em Pelotas

Os três empates consecutivos sem mostrar um futebol minimamente razoável aumentaram a já grande pressão sobre o Internacional, o gigante do futebol

brasileiro que disputa a Série B do Campeonato Brasileiro deste ano. E neste sábado, às 16h30, o Colorado tem um desafio complicado para tentar reagir na competição. O rival será o Brasil de Pelotas, no Bento Freitas, pela décima rodada da Segundona. Um duelo gaúcho diante de um rival em ascensão.

Após a igualdade sem gols contra o Paraná, na última terça, em que os comandados de Guto Ferreira deixaram e muito a desejar, parte da torcida colorada protestou. O treinador, contratado com a missão de fazer com que o favorito Inter deslanche na Série B. Inter que está invicto com o técnico - são

duas vitórias e quatro empates - mas o fato de o time estar fora do G4 e não colecionar boas atuações deixa a torcida apreensiva.

- Estamos buscando a atitude. Ela é refletida com poder de marcação mais forte, com acelerações. Mas, com certeza, essa é a busca. De se conseguir uma vitória, respeitando o Brasil. Vive um grande momento. Tem uma torcida inflamada. Cria um ambiente extra-campo. Tem que se manter o mais equili-

brado possível - destacou o treinador em coletiva.

A expectativa é que o Colorado tenha três volantes para a partida em Pelotas, com Charles ganhado vaga no meio ao lado de Fabinho e Dourado e Brenner sendo o substituto do lesionado Nico López no ataque.

Já o Xavante do técnico Rogério Zimmermann, que vem de duas vitórias e superou o até então invicto Juventude na última rodada da Segundona, não deve ter novidades no time titular. O atacante Lincom, com quatro gols, é o trunfo do Rubro-Negro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos