Jair lembra chances desperdiçadas na derrota: 'Tem dia que não entra'

No começo do jogo, o Botafogo almejava a terceira posição. No final, o time lamenta a saída do G-6 com a derrota para ex-lanterna Avaí, no Nilton Santos, pelo Brasileirão. E o jogo foi marcado pelas chances desperdiçadas no ataque alvinegro no decorrer da partida. Foram 25 finalizações e 47 cruzamentos, mas sem furar o bloqueio avaiano. Até por isso, Jair lamentou a falta do gol no jogo.

- Eu fico em uma situação... a bola não quis entrar. Como vou reclamar de um time que teve 25 finalizações no jogo. Isso resolve? O Avaí foi efetivo. A gente sabe que no futebol tem dia que a bola não entra. Nós tivemos o maior número de finalizações em um jogo desde que eu estou aqui - disse o técnico.

Até por isso, o comandante preferiu analisar mais o desempenho da equipe do que o placar final do jogo. Jair lembrou também que, em outras situações, o Botafogo também pode sair como vencedor sendo efetivo nas finalizações.

- Tem dia que nós vencemos com um chute. Não vou avaliar o resultado, mas sim a performance. Por isso que eu falo, parece até desculpa quando se usar o desempenho... mas o treinador tem que ser assim - completou Jair Ventura.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos