Flu precisa enviar documentos à CBF até quarta para atuar no G. Coutinho

A diretoria do Fluminense corre contra o tempo para conseguir mandar o jogo contra a Chapecoense, no dia 3 de julho pelo Campeonato Brasileiro, no Giulite Coutinho. A CBF estipulou o prazo final nesta quarta, dia 27, para o envio dos documentos pendentes - liberação do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar.

Se não forem enviados, a partida da 11ª rodada será marcada para o Maracanã com a manutenção do dia e horário de 20h. O Fluminense entende que o jogo não é de grande apelo para o público e não quer arcar com novo prejuízo com a operação e aluguel do estádio, por isso prefere atuar em Edson Passos.

O estádio do América já serviu de casa para o Fluminense em outras partidas em 2016 e 2017. Nesta semana, a Prefeitura de Mesquita emitiu o alvará de funcionamento que era necessário para a utilização do local em eventos.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos