Fernando Santos destaca equilíbrio e lamenta derrota nos pênaltis

Nesta quarta-feira, Portugal acabou eliminado da Copa das Confederações nos pênaltis, após empatar com o Chile por 0 a 0 no tempo normal. Nas penalidades, Quaresma, João Moutinho e Nani acabaram parando no goleiro Claudio Bravo. Após a partida, o técnico Fernando Santos lamentou o resultado.

- Portugal começou melhor, depois o Chile esteve melhor, voltamos a estar melhor e depois esteve o Chile. Foi sempre assim o jogo, com oportunidades dos dois lados. Foi um jogo muito dividido, que acabou chegando aos penáltis e ai não fomos heróis, como na Eurocopa. O futebol é isso, os jogadores estão de parabéns - disse.

Perguntado se os pênaltis perdidos foram mérito de Bravo ou deficiência do time, ele preferiu não responder. Com a derrota, os lusos fazem a disputa de terceiro lugar no próximo domingo, às 9h (de Brasília), contra o perdedor do confronto entre Alemanha e México.

- A equipe foi bem no jogo, teve boa circulação e conseguiu anular a capacidade do adversário de pressionar muito alto. O Chile é uma grande equipe e respondeu bem, equilibrou o jogo, acertou as marcações e ficou mais complicado de sair. Entre duas grandes equipes, é isso que acontece: períodos melhores e outros piores. Depois, nos pênaltis, algumas vezes você é herói, outras não.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos