Partiu China? Aubameyang pode ser companheiro de Pato no Tianjin

Cotado para deixar o Borussia Dortmund e especulado em times europeus como PSG e Chelsea, o atacante Aubameyang pode ter um destino diferente. De acordo com o jornal "SportBild", ele está na mira do Tianjin Quanjian, da China, que pode pagar 80 milhões de euros (R$ 301,5 milhões) ao clube alemão. Para seduzir o jogador, nada menos que 30 milhões de euros (R$ 113 milhões) de salários por ano.

No Tianjin Quanjian, ele seria companheiro de Alexandre Pato e comandado pelo italiano Fabio Cannavaro.

Na última temporada, Aubameyang ganhou ainda mais destaque pelo Borussia Dortmund. Apesar de ficar distante da disputa pelo título da Bundesliga, o jogador foi o artilheiro da competição, com 31 gols. E ajudou os Aurinegros a levantar o troféu da Copa da Alemanha.

Ao todo, o gabonês marcou 40 gols na temporada em 46 partidas disputadas.

Aubameyang foi revelado na base do Milan, mas não foi aproveitado no futebol italiano. Passou ainda por Dijon, Lille, Monaco e Saint-Étienne, na França, antes de chegar ao Borussia Dortmund, clube no qual está desde 2013/14.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos