Löw fala em partida intensa com o México e projeta final contra o Chile

Joachim Löw apostou em um elenco jovem para a disputa da Copa das Confederações e, nesta quinta-feira, viu seus jogadores golearem o México e conquistarem a vaga na final da competição. Após a partida, o treinador falou sobre a dificuldade do confronto e a proposta alemã.

- Foi uma partida muito intensa, porque o México é tecnicamente muito forte também. Mas fizemos exatamente o que planejamos. Os mexicanos sempre tentam impor seu jogo aos adversários e era isso que queríamos evitar. Queríamos dominar desde o início e atacar - analisou Löw.

Agora, a Alemanha vai reencontrar um difícil adversário: o Chile, com quem já jogou na fase de grupos e empatou por 1 a 1. A final do torneio acontece no próximo domingo, dia 2 de julho, às 15h (de Brasília), em São Petersburgo, na Zenit Arena.

- Agora temos que analisar tudo o que fizemos, repensar e trabalhar o jogo. Em relação ao duelo contra o Chile, sabemos que eles são os adversários mais fortes do torneio e o mais difícil até agora. Precisamos entrar com tudo no jogo. Com certeza os jogadores vão tentar tirar tudo de si para mostrar o que podemos fazer - completou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos