No comando há 19 dias, Levir testou mais da metade do elenco do Santos

  • Armando Paiva/AGIF

    Levir está no comando do Santos desde o dia 12 de junho

    Levir está no comando do Santos desde o dia 12 de junho

No comando do Santos desde o dia 12 de junho, o técnico Levir Culpi já testou mais da metade do elenco. Para ser mais exato, 59% do grupo já foi aproveitado pelo treinador, que admitiu em sua chegada que precisava conhecer mais a fundo as opções que tem.

Assim que chegou no clube, o treinador se apoiou em Elano, que comandou a equipe nos dois jogos seguintes à saída de Dorival Júnior e tem mais conhecimento sobre os atletas, já que estava no clube desde 2015, como jogador, e agora como auxiliar. Após 19 dias da chegada de Levir, Elano segue sendo o braço direito do técnico não só nos treinos, mas também no decorrer das partidas, em que fica de pé na área técnica e onde conversam a todo instante.

Uma das surpresas para os santistas foi a chance dada ao volante Alison - Leandro Donizete era uma opção e já havia trabalhado com o curitibano no Atlético-MG -, que voltou de empréstimo do Red Bull nesta temporada e não havia sido utilizado por Dorival.

Uma das principais mudanças no time titular feita pelo novo técnico foi a entrada de Copete na vaga de Vitor Bueno, fazendo Bruno Henrique atuar pelo lado direito do ataque.

Por falar em ataque, Levir ainda não teve a chance de comandar Ricardo Oliveira, que se recuperou de contusão no tornozelo esquerdo e de pneumonia. Outro titular com Dorival, Zeca também não participou dos treinamentos com o novo chefe, pois trata uma lesão na perna esquerda.

O mesmo acontece na zaga. Gustavo Henrique e Luiz Felipe, que romperam os ligamento do joelho no ano passado, ainda não ficaram à disposição e estão próximos de retornar. Por isso, quando não teve David Braz, que foi suspenso pelo terceiro cartão amarelo, o técnico deu chances Noguera, que pouco jogava com Dorival.

Na negociação para assumir o Peixe, o treinador foi avisado de que só teria reforços se o clube vendesse algum de seus jogadores na janela de transferências do meio do ano. Por enquanto, Levir busca usar o que tem de melhor, mas reclama da falta de tempo para treinar.

QUEM JOGOU COM LEVIR:

Goleiro: Vanderlei

Zagueiros: David Braz, Lucas Veríssimo e Noguera

Laterais: Victor Ferraz, Jean Mota e Caju

Volantes: Renato, Thiago Maia, Leandro Donizete e Alison

Meia: Lucas Lima, Vitor Bueno, Léo Cittadini e Rafael Longuine

Atacantes: Kayke, Copete, Bruno Henrique, Arthur Gomes, Vladimir Hernández e Thiago Ribeiro

QUEM AINDA NÃO JOGOU:

Goleiros: João Paulo, John e Vladimir

Zagueiros: Gustavo Henrique e Luiz Felipe

Laterais: Zeca, Daniel Guedes e Matheus Ribeiro

Meias: Matheus Oliveira, Vecchio, Serginho, Yuri e Yan

Atacantes: Ricardo Oliveira, Lucas Crispim e Rodrigão

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos