Mina marca contra todos os rivais na Libertadores e pode entrar na história

  • Andres Stapff/Reuters

    Mina é destaque no Palmeiras

    Mina é destaque no Palmeiras

Todos os clubes que cruzaram o caminho do Palmeiras na Libertadores de 2017 sofreram gol de Yerry Mina: Jorge Wilstermann (BOL), Peñarol (URU) e Atlético Tucumán (ARG). Próxima parada, Barcelona!

Calma, torcedor... A ida do zagueiro colombiano para o Barça está pré-acordada, mas só para depois da Copa do Mundo de 2018. Aqui estamos falando do Barcelona de Guayaquil, do Equador, adversário do Verdão nas oitavas de final da Libertadores. O jogo de ida será nesta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), no Estádio Monumental Banco Pichincha.

Se mantiver a média e marcar contra mais este rival, além de apresentar sua dança para mais um país do continente, Mina estará dando um importante passo para entrar na história do Palmeiras nesta competição. Com os três gols anotados na atual edição, ele caminha para ser o maior zagueiro-artilheiro e o estrangeiro com mais gols pelo clube no torneio.

As duas listas são lideradas por campeões da Libertadores de 1999. O zagueiro que mais marcou gols foi Júnior Baiano, com cinco, todos na fase de grupos da edição de 1999. Ele foi o artilheiro da equipe campeã, à frente de Alex e Oséas, que marcaram quatro.

Já o maior goleador entre os estrangeiros é o paraguaio Chiqui Arce, também com cinco gols, sendo três em 1999, um em 2000 e um em 2001. No geral, o artilheiro do Verdão na história da competição é Alex, com 12 gols.

Ao todo, Mina já marcou seis gols em jogos pela Copa Libertadores. Os outros três foram no ano passado, ainda pelo Santa Fe (COL): todos contra o Oriente Petrolero (BOL), sendo um na Bolívia e dois na Colômbia.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos