Foguetório? Jogadores do Botafogo citam 'motivação' extra no Uruguai

A velha tática do foguetório foi utilizada pelos torcedores do Nacional. Mas o efeito foi reverso. Acordados, o barulho próximo do hotel serviu de motivação para o Botafogo no Uruguai. E isso foi retratado dentro de campo. A vitória por 1 a 0 dá boa vantagem para o Glorioso nas oitavas de final da Libertadores.

- Não sei. Mas nos dias de hoje isso não ganha jogo. Tivemos dificuldade na sala bem pequena. Isso tudo só exalta nossa vitória. Eu particularmente tive dificuldade para dormir. Tomei remédio para ajudar. Escutei às 1h, e as 4h (foguetório). Acaba motivando mais - ponderou Rodrigo Lindoso no pós-jogo.

O volante alvinegro teve seu discurso repetido também por Bruno Silva, que citou a tática do foguetório como algo pertencente a competição continental.

- Primeira vez eu estava acordado. Aí 3h aconteceu de novo, e eu até acordei assutado. Faz parte da Libertadores, e foi bom que deixou a gente com mais vontade de ganhar - completou o fundamental camisa 8 do time de Jair.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos