Dani Alves no PSG: 'Muito feliz. Pude ver de longe o crescimento do clube'

Daniel Alves foi apresentado nesta quarta-feira como novo jogador do PSG. Com a camisa 32, que já foi de Beckham e David Luiz, o brasileiro disse estar muito feliz por poder atuar pelo clube francês.

- Estou extremamente feliz em me juntar ao Paris Saint-Germain. Nos últimos anos, pude acompanhar de fora o enorme crescimento do clube, tornou-se um centro forte do futebol europeu. É muito emocionante virar agora um ator deste grande projeto. Em todos os clubes que eu passei, sempre dei o melhor para ajudar a minha equipe para ir o mais alto possível. Acredite, eu também vim a Paris para ganhar. Eu sei quais são as ambições do meu novo clube e as expectativas de seus muitos torcedores em todo o mundo. Vamos partilhar grandes momentos, tenho certeza - disse, em entrevista ao site oficial do clube francês.

O lateral também concedeu entrevista coletiva nesta quarta-feira e revelou que foi a terceira vez que o PSG tentou a sua contratação. Aos 34 anos, ele comentou ainda que Paris é a cidade preferida de sua esposa, Joana Sanz.

- Este é o terceiro ano que meu nome foi especulado no PSG. Dessa vez, acabou bem. Tenho uma mente jovem. Enquanto ela for assim, continuarei a lutar. Paris é a cidade preferida de minha mulher. Também tenho amigos na equipe, assim como ex-companheiros de time e pessoas e atletas que admiro - afirmou o jogador, que exibiu o cachecol do clube para a torcida do lado de fora do Parque dos Príncipes em sua apresentação.

Daniel Alves será companheiro de Thiago Silva, Marquinhos, Thiago Motta e Lucas Moura no PSG. Ele é o 30º brasileiro a atuar pelo clube gaulês, que já teve nomes como Raí, Leonardo, Nenê, Ronaldinho Gaúcho, Vampeta e, mais recentemente, o lateral-esquerdo Maxwell.

Também em entrevista coletiva, o presidente do PSG, Nasser Al-Khelaifi, exaltou o lateral.

- Estou muito contente e orgulhoso em receber Daniel Alves em nosso clube. Daniel não é apenas há uma dúzia de anos um dos melhores defensores do mundo, também é uma figura reconhecida e apreciada por fãs de futebol em todos os continentes. Sua exigência e energia vão trazer muito para o nosso grupo, e os nossos fãs vão adorar o espírito de luta que nunca deixará de animar Dani. Ao escolher o PSG, Daniel mostra toda a vitalidade e capacidade de atração do nosso projeto - elogiou o mandatário.

Titular da Seleção Brasileira do técnico Tite, Daniel Alves atuou a última temporada pela Juventus, onde conquistou a Copa da Itália e o Campeonato Italiano, além de ficar com vice da Liga dos Campeões ao perder para o Real Madrid. Apesar do ótimo rendimento, entrou em acordo com a diretoria da Velha Senhora e rescindiu seu contrato. O favorito para ficar com o lateral era o Manchester City, com quem havia feito um acordo formal por conta da ligação com Pep Guardiola. Mas o PSG entrou com mais força e acabou levando o jogador por duas temporadas.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos