Ex-São Paulo quer manter boa fase para levar Ludogorets à Champions

  • Stoyan Nenov/Reuters

O Ludogorets visita, às 15h (de Brasília) desta quarta-feira, o Zalgiris, na Lituânia. É um dos 12 jogos do dia da fase eliminatória da Liga dos Campeões, que envolvem os vencedores de ligas menos importantes da Europa. A equipe, que faturou o Campeonato Búlgaro na última temporada, chega com a credencial de ter disputado a fase de grupos da competição em 2016/17, ficando em terceiro atrás de Arsenal e PSG e se classificando para a Liga Europa.

Um dos destaques do time búlgaro, o atacante Jonathan Cafú está confiante em um bom resultado no jogo fora de casa contra o Zalgiris. Segundo o ex-jogador do São Paulo ao LANCE!, participar da fase de grupos da Liga dos Campeões é o objetivo na temporada.

"Estamos enfrentando esse jogo como se fosse a final da Liga dos Campeões, o último jogo da vida. Queremos entrar na fase de grupos, então temos de encarar cada partida como se fosse a última. Estamos motivados, focados, que podemos ganhar e levar o jogo para dentro de casa. Ficamos 14 dias no Brasil, mas tive pouco tempo lá, já sabia que íamos disputar a eliminatória, fiz exercícios, me preparei bem no Brasil. Voltamos bem, prontos", disse Cafú.

"Sem dúvida, é sempre nossa prioridade. Total foco nosso agora. Claro que também queremos alcançar tudo, se não der, vamos para a Liga Europa. Queremos ter um calendário para o ano, mas estamos focados na Liga dos Campeões, sem dúvida".

Cafú está em sua terceira temporada no Ludogorets e foi bem em 2016/17, ajudando o clube a conquistar o hexacampeonato búlgaro e marcando 14 gols. O jogador sabe que precisa manter a performance para ajudar o time a conquistar os seus objetivos e explica a boa fase.

"Foram 14 gols, foi um ano muito bom. Treino! Treino após treino, nunca se contentar, sempre mais e mais forte. Nunca podemos achar que chegamos no auge, sempre temos de estar descobrindo, treinando. Fico feliz de estar fazendo gol, ajudando minha equipe. Isso quem ganha é o clube. Normal a individualidade aparecer quando a equipe está bem", comemorou o atacante, que elogiou a pré-temporada do clube:

"Acho que foi uma das melhores que fiz aqui. Foi uma das maiores e melhores pré-temporada que já tive. Fiquei pouco no Brasil, treinamos bastante lá, e já voltamos muito bem. Então, com certeza essa é uma das melhores".

Além de Cafú, o Ludogorets tem mais oito brasileiro no elenco. É a receita verde e amarela para levar a equipe novamente à fase de grupos da Liga dos Campeões.

Por fim, o brasileiro fala sobre sua passagem pelo São Paulo. Segundo ele, a concorrência dentro do elenco foi crucial para que não tivesse muitas oportunidades de jogar.

"Comecei no XV de Piracicaba, fui bem lá, fui para a Ponte, me desenvolvi e cheguei no São Paulo. Peguei uma época meio difícil lá, muitos bons jogadores, que já tiveram muito êxito na carreira, como Luis Fabiano, Pato. Era complicado jogar, tive menos chances do que gostaria. mas agradeço por ter atuado com jogadores como eles, peguei muita experiência. Aí cheguei aqui e as coisas aconteceram da forma que sempre imaginei", concluiu o jogador.

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos