Vasco pega o Vitória fora com risco de não jogar mais em casa em 2017

Dos 16 pontos conquistados pelo Vasco em 12 rodadas no Campeonato Brasileiro, 15 foram em São Januário. Os episódios lamentáveis no último fim de semana, que resultaram na interdição do estádio e praticamente selaram o fechamento da casa cruz-maltina em 2017 (há o risco de perda de até 25 mandos de campo), tendem a prejudicar bastante o desempenho do Vasco na competição. Às 21h45 desta quarta-feira, a equipe vai até Salvador enfrentar o Vitória e encara o jogo como uma forma de ir se acostumando com esse provável problema. O site do LANCE! transmite em tempo real.

Fora de São Januário o Vasco encontra muitas dificuldades. A principal delas é impor o mesmo ritmo que consegue colocar em prática dentro de seus domínios. Os problemas com desfalques, como no jogo desta quarta que o técnico Milton Mendes não poderá contar com o atacante Luis Fabiano, por exemplo, elevam ainda mais os pontos que precisam ser levados em consideração no Cruz-Maltino. O comandante comentou sobre o que espera de seus jogadores na Bahia para que a equipe consiga a primeira vitória fora de casa na competição.

- Espero que a equipe do Vasco tenha um volume de jogo. A nossa equipe contra o Coritiba esteve bem no primeiro tempo. Mas foi mais mérito do adversário em nos colocar para trás, viraram e depois empatando. Espero que a gente assuma o protagonismo, tenha a bola. Claro que nosso time é novo, em formação, garotada nova. estamos devagar crescendo em passadas tranquilas. Apesar de tudo, estamos a quatro pontos do G4. Não é hora de ficar preocupado - afirmou o técnico Milton Mendes em entrevista coletiva antes de completar sobre as dificuldades do Vitória:

- Eu conheço bem a equipe do Vitória, eles têm jogadores interessantes. Eles jogam com um jogador infiltrado e outros dois flutuando. É uma equipe perigosa, tem laterais muito rápidos. Eles têm uma equipe boa. Só que temos nossas armas também e vamos saber jogar num campo difícil. Estamos preparados para suprir as dificuldades.

Os torcedores do Vasco que realmente apreciam o esporte não merecem passar por este problema de não ter São Januário disponível para os jogos da equipe. Na primeira partida depois das confusões no Clássico dos Milhões diante do Flamengo, Milton Mendes e seus comandados têm a difícil responsabilidade de mostrar que o time cruz-maltino não se abalou com tudo o que aconteceu. A torcida merece paz, sonha com a volta de São Januário ainda neste ano e enquanto isso não é possível, que o time se encontre fora da Colina para conseguir os pontos e terminar 2017 bem.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos