Jornal: Guangzhou quer processar Barcelona por assédio a Paulinho

Segundo o jornal espanhol "As", o Guanghzou Evergrande rompeu as negociações com o Barcelona por Paulinho. Além disso, a publicação ainda diz que fontes próximas aos chineses garantem que o clube está "extremamente irritado com a ética do Barça", que "está há semanas assediando um jogador que está sob contrato".

Por isso, o Guanghzou ameaça entrar com um processo contra o clube catalão. O jogador brasileiro renovou seu contrato na China até 2020 em janeiro, com uma multa de 40 milhões de euros. Mesmo que o Barça aceite desembolsar esse valor, a decisão ainda está na mão do time chinês, que não quer liberar o volante.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos