Sem abrir mão de Camilo, Jair cita gratidão e promete recuperar o meia

As conversas se intensificaram e Botafogo e Internacional negociam uma troca envolvendo Camilo e Brenner. Mas, se depender do técnico alvinegro, o meia seguirá no clube. Jair Ventura lembrou da importância do camisa 10 dentro da arrancada no ano passado e - mesmo admitindo a má fase do meia - se cobrou por ser o responsável em fazer Camilo voltar a render o esperado no Glorioso.

- O Camilo... uma coisa que prezo muito na vida é gratidão. E quando assumi com 37 anos o Botafogo, ele foi importantíssimo para chegarmos no G6. Eu conto com ele. Ele vive um grande momento? Não. Mas cabe ao treinador recuperá-lo - lembrou o comandante alvinegro, que admitiu que não pode fazer nada se for desejo de Camilo uma transferência para o Inter na sequência.

- Conto com ele e não abro mão, até pelo nosso elenco enxuto. Mas não posso forçar ele a ficar. Se ele quer viver novos ares, não posso prejudicar a vida do atleta. Com a gente, não abro mão e vou sempre trabalhar para a evolução do atleta. Matar um leão a cada dia e torço para a recuperação do Camilo.

Na vitória contra o Sport, na última segunda-feira, Camilo não saiu do banco de reservas. Atrás de Marcos Vinícius e João Paulo na disputa pela armação da equipe, o Botafogo ainda terá Leonardo Valencia para a posição quando o chileno for regularizado. Até por isso, o Glorioso já trabalha com a possibilidade desta troca por Brenner ser concluída dentro dos próximos dias da semana.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos