Cheios da grana e outrora favoritos, Fla e Palmeiras fazem jogo-chave

Distantes do Corinthians, mas ainda com o sonho vivo de conquistarem o Campeonato Brasileiro, Flamengo e Palmeiras duelam na noite desta quarta-feira, às 21h45, na Ilha do Urubu, no Rio. Antes da competição começar, tais times - em virtude do grande investimento - eram apontados como favoritos para levantarem o caneco. Agora, eles precisam seguir na caça ao líder e, obviamente, fazem um jogo-chave. Um eventual perdedor pode ficar muito longe da taça se o Timão disparar ainda mais na ponta da tabela nesta décima quinta rodada.

Flamengo e Palmeiras foram dois dos protagonistas do Brasileirão do ano passado. O Verdão ficou com a taça, e o Rubro-Negro chegou perto da liderança em algumas ocasiões. Além disso, a dupla chama atenção também no que diz respeito a contratações e dinheiro em caixa. De acordo com um estudo divulgado recentemente pelo Itaú BBA, esses clubes vêm demonstrando superioridade nas movimentações financeiras nos últimos três anos no Brasil.

O levantamento apontou que a dupla é responsável por 36% de todo o dinheiro que os 27 maiores clubes de futebol do país têm para negociar atletas e pagar suas dívidas. Somente neste ano, o Flamengo contratou nove reforços, sendo alguns de peso, como Everton Ribeiro, Diego Alves, Geuvânio e Conca. Somadas todas as negociações, o Rubro-Negro investiu cerca de R$ 59 milhões nesta temporada. O Palmeiras, por sua vez, trouxe 14 jogadores para este ano e gastou incríveis R$ 116,2 milhões na aquisição de diretos econômicos de atletas. Grande parte desta quantia, porém, foi paga pela Crefisa.

Por causa do grande investimento, Flamengo e Palmeiras precisam dar respostas para suas torcidas. O Rubro-Negro foi campeão Carioca, mas caiu precocemente na Libertadores. O Verdão, por outro lado, ainda disputa o torneio sul-americano, mas viu o Corinthians ser campeão Paulista.

No campo e nas finanças, o duelo vale muito. O Flamengo é o quarto colocado do Brasileiro, com 24 pontos, enquanto o Palmeiras está logo atrás, em quinto, com 22. O empate pode ser um péssimo negócio para ambos.

Rivalidade aguçada nas redes sociais

Com Flamengo e Palmeiras disputando vários títulos e buscando contratações de peso, a rivalidade entre os torcedores dos clubes aumentou consideravelmente nas redes sociais. A brincadeira do "cheirinho de hepta", que movimentou os rubro-negros no ano passado, bombou na internet.

O tema "estádio" também é muito badalado em conversas e discussões entre os rubro-negros e alviverdes. Nesta quarta, será a vez do Palmeiras visitar a Ilha do Urubu pela primeira vez. O Rubro-Negro tem bom retrospecto no local (quatro vitórias e uma derrota), mas caiu diante do Grêmio no último jogo em casa, por 1 a 0, com gol de Luan.

Para tentar evitar atos de vandalismo e brigas, a Polícia Militar e o Flamengo trabalharam juntos num forte esquema de segurança nesta partida. No campo, haverá aumento no número dos chamados stewards, que vão monitorar os torcedores. O Grupamento Especial de Policiamento em Estádios (Gepe) vai atuar com mais de 130 homens, além de contar com apoio de outros 130 PMs.

Num trabalho preventivo, o Gepe também vem monitorando redes sociais a fim de evitar confrontos organizados em locais longe do estádio.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos