Após mais de cinco anos, Zimmermann deixa o comando do Brasil-Pel

Um dos trabalhos mais longos de um técnico em um clube na história recente do país chegou ao fim nesta quinta-feira. Após mais de cinco anos, o Brasil de Pelotas anunciou o desligamento de Rogério Zimmermann do comando da equipe.

Além de sua saída, deixam o Xavante o auxiliar Zeca Martins e o preparador físico João Beschorne. O treinador deixa o clube após a goleada que o Brasil de Pelotas sofreu por 4 a 1 para o Paraná, na terça-feira, em jogo válido pela 15ª rodada da Série B.

Rogério Zimmermann iniciara sua segunda passagem no clube gaúcho em maio de 2012. Sob seu comando, a equipe disputou 408 jogos, obtendo 188 vitórias, 128 empates e 92 derrotas.

Além disto, garantiu à equipe xavante os acessos para a elite gaúcha e para as Séries C e B, e um bicampeonato do Interior. Seu trabalho só perdeu em duração para Cláudio Tencati, que está desde abril de 2011 no comando do Londrina.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos