Sem Thalles, Milton terá de apressar retorno de Luis Fabiano ou improvisar

  • Paulo Fernandes / Flickr do Vasco

Na partida contra o São Paulo, Thalles recebeu o terceiro cartão amarelo e está suspenso do jogo contra o Atlético-MG, no próximo domingo, pela 16ª do Brasileirão. Com isso, o técnico Milton Mendes, que vai poder voltar a comandar a equipe no campo após cumprir suspensão, ganhou um problema para armar o comando de ataque. Sem o jovem, o treinador terá que apressar o retorno de Luis Fabiano ou atuar sem um jogador de referência.

O Fabuloso está fazendo um tratamento de reequilíbrio muscular há quase duas semanas e desfalcou o time em três jogos. Segundo o departamento médico do clube, a recuperação duraria até três semanas. Assim, ele precisa acelerar o processo para estar em condições de atuar no domingo. O atacante já está em fase de transição no campo desde a última sexta.

Se Luis Fabiano não puder estar em campo, Milton terá que improvisar um outro atacante na função. O argentino Andrés Rios atua pelos lados, mas também pode jogar como centroavante. Regularizado, ele está à disposição do técnico.

Outra alternativa é colocar um jogador de velocidade. O jovem Paulo Vitor tem como principal característica atuar pelas pontas. No entanto, desde o início do ano ele joga como referência na equipe sub-20 e vive fase artilheira na base. Assim, pode ajudar fazendo essa função.

Outras opções de atacantes no elenco são: Manga Escobar, Caio Monteiro, Eder Luis e Paulinho. O garoto, de apenas 17 anos, entrou muito bem contra o Tricolor Paulista.

 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos